É importante começar dizendo que não há discussão quanto ao fato de Andre ser ídolo em San Francisco, mas algumas questões importantes envolvem o retorno do veterano.

Andre possui uma história magnifica com a camisa dos Warriors. Chegou na off-season de 2013, conquistou 3 troféus Larry O’brien, 1 Finals MVP, fez parte da lendária line-up “Hampton’s Five” e certamente terá sua camisa 9 aposentada. Contudo, com 37 anos e tendo um papel limitado em Miami na temporada 2020/21, qual seria o impacto de Iguodala para o Warriors em 2021/22?

A vontade do Front Office em contar com a presença de Iggy certamente se deve muito por sua personalidade amigável e por sempre ter agido como tutor dos nossos garotos, podendo ser tutor de Jonathan Kuminga e até de Moses Moody, mas, em quadra, Andre impactaria o suficiente para fazer valer a pena o dinheiro gasto? Provavelmente não.

A proposta inicial do Warriors é de U$ 2,3 milhões, valor do salário mínimo de veteranos, mas, o que roda na imprensa é que Andre acredita ainda valer mais que isso. Os concorrentes na corrida são Lakers e Nets e ambos não podem oferecer mais que o mínimo. Los Angeles fechou a Mid Level Exception com Kendrick Nunn e Brooklyn com Patty Mills, então as supostas três ofertas são iguais.

O Golden State Warriors está acima do salary cap desde a temporada 2017/18 e a NBA possui mecanismos para impedir que as franquias (ou seus donos) gastem sem olhar para o bolso.

Quanto maior o número de temporadas consecutivas acima do cap, maior o valor de multas pagas (luxury tax) e, quanto maior o valor acima do cap, maior o valor de multas pagas. Imagine a tabela abaixo:

Valor acima do limite Taxa por dólar excedente Taxa por dólar excedente em caso de anos consecutivos
De U$5 mihões a U$ 9,999,99 milhões U$ 1.75 U$ 2.75
U$10 milhões a U$14,999,99 milhões U$ 2.50 U$ 3.50
U$15 million a U$19,999,99 U$ 3.25 U$ 4.25
Acima de U$20 milhões U$ 3.75 U$4.75 + U$ 0.50 por U$ 5 milhões

Atualmente entrando na 4ª temporada acima do teto e, com aproximadamente U$ 65 milhões acima do limite, para cada dólar adicionado à folha de pagamento os Warriors pagarão U$ 9,25 dólares. Isso significa que adicionar um contrato mínimo de veterano de U$ 2,3 milhões significa pagar U$ 21,2 milhões. Vale a pena para um jogador de 37 anos? Agora imagine se esse contrato fosse fechado pela exceção de nível médio de U$ 5,9 milhões. Seriam U$ 54,57 milhões. Inconcebível.

Agora olhando pelo lado do jogador. O torcedor tem o estigma da gratidão, de que o atleta deve ser grato pelo que conquistou. O que pode até estar correto por um lado. Acontece que esse é, possivelmente, o último ano de carreira de Andre e ele pode, sim, sentir que cumpriu dever com o Warriors e buscar um novo desafio e um novo anel.

Particularmente, não idolatraria menos Andre se optasse por Nets ou Lakers e, pensando na franquia, sua contribuição não seria o suficiente para valer a pena financeiramente.

Palpite de destino: Brooklyn Nets.

Matheus Rossi, do @brasilwarriors_.

DEIXE UMA RESPOSTA