Black Yellow Brasil – Mock draft 1.0

Como já é tradição de quem nos acompanha há algumas temporadas, vamos ao nosso primeiro mock draft. Geralmente acontece após o combine para que tenhamos, pelo menos, uma noção por onde os caminhos do Steelers devem passar. Em breve teremos a versão 2.0 e antes do draft, a grande apoteose, onde vamos gravar o podcast AO VIVO trazendo nosso mock final.

Convido todos a acompanharem em tempo real a tabela de entrevistas do Steelers. Aqui √© uma das vari√°veis mais importantes que a equipe usa no processo de draft para conhecer melhor o atleta. Nem tudo se resume a films e combine. H√° algumas habilidades¬†intang√≠veis¬†e particularidade em cada jogador que o time s√≥ conhece nesse contato pessoal. At√© por isso a comiss√£o t√©cnica √© uma das mais “viajantes” no pa√≠s. J√° come√ßaram os pro days e ser√° comum ver membros do Steelers viajando pelos Estados Unidos.

Deixando de lado toda essa introdução, vamos ao que importa!

 

7¬į rodada – Escolha #246: OL Sean Welsh, Iowa

Resultado de imagem para sean welsh iowa

 

Sean Welsh √© mais um project que pode ser um sucesso na m√£o do brilhante Mike Munchak. Com experi√™ncia nas 3 posi√ß√Ķes da OL, chama aten√ß√£o pela durabilidade: S√≥ perdeu 1 jogo por les√£o em toda sua carreira. Ele √© titular desde o seu ano de freshman.

Seu tamanho √© uma das preocupa√ß√Ķes e faz com que ele seja projetado como uma late pick. Seu combine e o Senior Bowl tamb√©m n√£o foram bons. Seria um talento para ficar no PS durante seu rookie year e viria com tudo em 2019.

 

7¬į rodada – Escolha #220: TE Durham Smythe, Universidade de Notre Dame

Resultado de imagem para durham smythe

Durham Smythe √© mais um TE formado pela universidade de Notre Dame. O jogador chamou aten√ß√£o depois de um BOM Senior Bowl. √Č √≥timo nos bloqueios e forma mais a figura daquele tradicional “TE cl√°ssico” que o Steelers adora. Seria mais efetivo para a equipe que o Xavier Grimble, na minha opini√£o.

Ele viu seu stock caindo um pouco na temporada de 2017 por conta dos seus drops (teve 4). Apesar de recep√ß√Ķes lindas, ele tem apenas 26 na sua carreira. √Č um ponto contra ele em uma liga que tantos procura pass catchers na posi√ß√£o.

Sua habilidade no bloqueio é extremamente underrated e algo que sabemos o Steelers gostar de explorar nos TEs.

Eu considero ele como meu “sleeper” nesse draft. Boto ao fim do 3¬į dia mas afirmaria at√© falar que √© meu pick mais ousado em todo o mock. N√£o fico assustado em ver ele saindo na 4¬į ou 5¬į rodada.

 

5¬į rodada – Escolha #165: WR J’Mon Moore, Missouri

Resultado de imagem para J'mon Moore missouri

Moore j√° se encontrou com o Steelers no Senior Bowl e tem as caracter√≠sticas que o time espera no WR. Bastante f√≠sico, muito bom nos bloqueios e atl√©tico. Terminou com o 4¬į melhor SPARQ entre os WRs no combine.

Na SEC, ele terminou em 3¬į recebendo passes longos, totalizando 391 jardas nesses avan√ßos. Nos √ļltimos 2 anos ele passou das 1000 jardas em cada temporada e totalizou 18 TDs pelos Tigers.

O que me faz pensar que ele pode cair no board? Apesar do atleticismo dele, seu tempo nas 40 jardas do combine foi 4.60 … Abaixo do que era esperado para ele. Outra quest√£o que fica em cima do jogador s√£o os drops e o foco dele em determinados momentos da partida. Com o trio estrelar de WRs do Steelers (Brown, Bryant e JuJu) ainda em 2018, Moore teria tempo para se envolver aos poucos no ataque.

 

5¬į rodada – Escolha #148: HB Josh Adams, Notre Dame

Resultado de imagem para josh adams notre dame

Jogando atrás de uma das melhores linhas ofensivas do College Football, Adams levou a universidade de Notre Dame a ter um dos principais ataques terrestres dos Estados Unidos. Ele é um trator, onde dificilmente cai na primeira tentativa de tackle. O estilo da AFC North. 

Com uma m√©dia de 5.20 jardas depois do contato, ele terminou a temporada como o 2¬į melhor no quesito de acordo com o Pro Football Focus. Das 1430 jardas, 994 foram depois do primeiro contato defensivo. Sabemos a dificuldade do Steelers em avan√ßar poucas jardas no campo. O experimento com Terrell Watson em 2017 n√£o deu muito certo.

Com a velocidade do James Conner e a for√ßa do Adams, podemos vislumbrar um bom futuro para o backfield do Steelers e forma uma “hidra” de 3 cabe√ßas no ataque terrestre ao lado do Le’Veon Bell.

 

3¬į rodada – Escolha #92: DL Harrison Phillips, Stanford

Resultado de imagem para harrison phillips stanford

Phillips foi o DT com mais run stoppers no college football na temporada passada. Ele terminou 2017 com incríveis 103 tackles (!!!). Tem noção do quanto isso é grande para um jogador de linha defensiva? Ainda mais ele que joga no meio da defesa.

O atleta também teve 17 TFL e 7.5 sacks. Ele seria o complemento perfeito para Javon Hargrave no meio da DL. Um perito no pass rusher e outro defendendo contra o jogo corrido.

 

2¬į rodada – Escolha #60: LB Uchenna Nwosu, USC

Resultado de imagem para uchenna nsowu

Nwosu √© meu jogador favorito do draft. Dono de um motor incr√≠vel nos p√©s, pode jogar tanto como OLB como ILB na nossa defesa. Atuando no pass rush, totalizou 61 press√Ķes no QB advers√°rio em 2017. Foi o 2¬į no pa√≠s no quesito. Ele ainda teve 9 sacks e 22 hits.

Outro fator que gosto dele √© seu¬†“time” dele para desviar os passes na linha de scrimmage.¬†Terminou como l√≠der no quesito com 11 passes desviados entre os OLBs.

Esse √© um jogador que vejo muito¬†pedigree¬†do Steelers. Assim como ano passado, o time vai acertar na escolha de um jogador de USC na 2¬į rodada. Um dos jogadores defensivos mais dominantes da PAC 12 chegaria muito bem na AFC North.

 

1¬į rodada – Escolha #28: FS Justin Reid, Stanford

Resultado de imagem para justin reid stanford

Ainda fico me perguntando se vou conseguir mudar de op√ß√£o at√© o dia do draft. Justin Reid seria um jogador para causar impacto na equipe logo de imediato. Faria um √≥timo complemento ao Sean Davis. Atuaria mais ao fundo do campo, usando suas habilidades de¬†ball hawk¬†(foi l√≠der da PAC – 12 com 5 intercepta√ß√Ķes) e se mostrou ser um jogador com √ďTIMA no√ß√£o de campo. Isso √© algo que falta muito nos nossos jogadores hoje.¬†

Ele tem a combina√ß√£o de atleticismo e intelig√™ncia que tanto falta no Sean Davis e no Artie Burns. Com um SPARQ de 134.5, foi o 3¬į safety mais atl√©tico do combine.

Ele ainda tem experi√™ncia em todas as posi√ß√Ķes da secund√°ria. Com Tom Bradley no comando agora da unidade, vejo ele buscando um talento na PAC -12. Vale lembrar que ele esteve nas √ļltimas temporadas como DC em UCLA da mesma confer√™ncia de Stanford.

Todos os conte√ļdos publicados neste site s√£o de responsabilidade de seus autores e n√£o necessariamente refletem as opini√Ķes e posicionamentos da FN Network.

Deixe um coment√°rio

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

NOT√ćCIAS RELACIONADAS

Mock Draft Steelers 2023
Mock Draft Steelers 2023 v1
tomlinmath
Simulando Mock Drafts da NFL em 2022 ‚Äď Steelers Edition
tech-daily-ztYmIQecyH4-unsplash
Steelers nos mock drafts
colbert-thinking
Simulando Mock Drafts – Steelers Edition
Steelers Training Camp – Quarterbacks
usa-today-8857122.0
Jogos do Steelers para assistir em casa #6 – Steelers @ Chargers 2015
26627
Jogos do Steelers pra assistir em casa #5 – Steelers @ Bills 2016
2020 NFL Draft РTracker de Visitas Pré-Draft Steelers