Qual é a melhor equipe do College Football em 2020? Nesse texto, além de ranquearmos  as 10 melhores equipes do College Football, também ressaltamos o ponto forte e a fraqueza de cada uma delas. Portanto, vamos ao nosso top-10

10. Auburn Tigers

Força: Wide Receivers
Fraqueza: Linha Defensiva
Análise: Bo Nix é um bom e talentoso QB, porém precisa dar seu próximo passo e, além do mais, tem uma das melhores duplas de WR para ajudá-lo. O front seven teve percas significativa em D.Brown e Marlon Davidson na sua DL, mas no segundo nível é um dos melhores do país. A secundária é ainda sólida.

Entretanto, não basta Auburn ser sólida ou pouco acima da média, pois joga na conferência mais competitiva do país.

Confira a preview da Conferência SEC West

9. Oregon Ducks

Força: Linha Defensiva
Fraqueza: Quarterback
Análise: Substituir Justin Herbert não será tão fácil, mas a situação do quarterback será boa – apesar de ter perdido metade de sua OL titular para o Draft -, contudo, é a preocupação para esse ataque.

No entanto, a defesa será devastadora com uma linha e uma secundária excelentes, talvez seja uma das melhores defesas do país. Certamente, Oregon estará na corrida para chegar aos Playoffs.

8. Penn State Nittany Lions

Força: Linebackers
Fraqueza: Wide Receivers
Análise: A defesa é o ponto forte dessa equipe, em especial o LB Micah Parsons, que provavelmente é um dos melhores defensores do país. Além disso, depois de manter as equipes pontuando em apenas 16 pontos em um em 2019, as expectativas se renovam para esse ano.

No lado ofensivo, o QB Sean Clifford e jogo de passe será bom com a chegada do OC Kirk Ciarrocca, e o jogo corrido também é solido. As peças são boas o suficiente para tentar derrubar a atual campeã Ohio St, na Big Ten East.

7. LSU Tigers

Força: Wide Receivers
Fraqueza: Quarterback
Análise: Não, a LSU não repetirá o ano de 2019, as chances são mínimas. No entanto, a equipe pode estar prestes a entrar no mesmo nível de Ohio St, Alabama, Clemson, e em outros programas que perdem talentos para NFL e os substituem por outros talentos sem perder produção.

A secundária pode ser a melhor do país, com a estrela Derek Stingley Jr. Além disso, o corpo de recebedores ainda é incrível, pois conta com o melhor da posição, Jamar Chase. Mas a questão é, o QB Miles Breenan poderá levar sua equipe longe?

6. Florida Gators

Força: Linha Defensiva
Fraqueza: Linha Ofensiva
Análise: O nível geral de talentos pode não estar lá se comparando ao Alabama e à Geórgia, mas é bom o suficiente para, potencialmente, levar o Leste. Dan Mullen e a equipe de treinadores têm sido ótimos desde que assumiram o cargo há duas temporadas, e não houve pressão em ganhar o título da SEC.

Mas, com um QB (Kyle Trask) que foi muito bem em 2019 e um grupo de recebedores que conta com uma grande ameaça no TE Kyle Pitts, de fato a OL precisa proteger melhor e não repetir o feito de 25 sacks cedidos em 2019.

Além disso, a defesa, continua forte, mesmo perdendo muitas peças titulares. Flórida, certamente se candidata como uma das favoritas do College Football.

Confira a preview da Conferência SEC East

5. Oklahoma Sooners

Força: Linha Ofensiva
Fraqueza: Secundária
Análise: Spencer Rattler é, certamente, um QB que todos vão querer ver em 2020. De fato, é bem talentoso e pode elevar sua equipe, que conta com um ótimo grupo de recebedores.

Vale lembrar ainda, que o RB Kennedy Brooks (1.011 jardas em 2019) lidera o backfield, e a linha ofensiva está entre as melhores do futebol universitário, que conta com o ótimo center Creed Humprey.

A defesa, por estar na Big 12, não é tão ruim. Com a chegada do coordenador Alex Grinch em 2019, algumas melhorias apareceram, mas se quiserem pensar em algo maior, precisam ser mais consistentes.

Confira preview da Conferência BIG 12

4. Georgia Buldogs

Força: Front seven
Fraqueza: Linha ofensiva
Análise: Todo ano Geórgia nos dá esperanças como uma contender nos playoffs. Boa formação, defesas extremamente fortes, ataques que dominam no jogo terrestre e uma boa comissão técnica.

Esse ano, no entanto, houve mudanças no seu QB; ainda não sabemos quem irá jogar, se será Daniels ou Newman. Sua OL foi desmanchada pelo NFL Draft, no entanto, ambos entram com boas perspectivas para fazerem com que essa equipe de Kirby Smart chegue aos playoffs.

3. Alabama Crimson Tide

Força: Jogo corrido
Fraqueza: Quarterback
Análise: Difícil não apostar em Alabama mesmo perdendo tantas peças, em especial seu QB. De fato, há questionamentos em relação a posição de QB, mas a equipe em geral continua forte e, além do mais, Nick Saban ainda trabalha como HC.

Portanto, com uma defesa dominante e o jogo corrido estabelecido, certamente, essa sempre foi, e continuará sendo a chave do sucesso de Bama.

2. Clemson Tigers

Força:  Quarterback
Fraqueza: Secundária
Análise: Mais um ano, e Clemson continua dominante na ACC, e assim sendo, facilitará sua entrada nos playoffs. Clemson possui, talvez, o melhor QB e RB do país, com Lawrence e Ettiene.

Além do mais, mesmo com a ausência do WR Justyn Ross, o corpo de recebedores ainda é especial. No lado defensivo, novamente, o front seven é extremamente forte, mas a secundária, apesar de ser boa, ainda não parece estar no mesmo nível da sua equipe, que além disso perdeu sua grande estrela, Isaiah Simmons, peça que dificilmente ira repor. Contudo, é quase que unanimidade Clemson estar entre as 4 do país e a equipe é favorita à National Championship Game.

Confira preview da Conferência ACC

1. Ohio State Buckeyes

Força: Quarterback
Fraqueza: Jogo corrido
Análise:  Há um pouco de dúvidas quanto à profundidade e ao jogo corrido continuar no mesmo nível do ano passado. Porém, o lado ofensivo no geral é tão bom com Justin Fields e uma OL fantástica, que faz parecer essa fraqueza bem relativa.

No lado defensivo, de fato perder Chase Young e Jeff Okudah não é legal, mas os jogadores que os substituirão são bons o suficiente pra manter essa defesa forte. Não há razões para pensar que a equipe do HC Ryan Day não tenha um bom trabalho em 2020, e conquiste o tão sonhado título do College Football. Talento o elenco tem de sobra, basta apenas pôr em prática.

DEIXE UMA RESPOSTA