Falta menos de um mês para FA da NFL começar (16 de março) e agora que o time definiu seu HC (Lovie Smith), coordenadores e treinadores de posição para temporada, vamos tentar traçar o perfil de jogadores que os Texans deverão buscar na FA em 2022. Atualmente o time possui 17,55M de espaço no CAP e esse número deverá subir quando a liga anunciar oficialmente o CAP para 2022 e trocas/cortes que deverão acontecer até o dia da abertura.

Para iniciarmos a nossa série de alvos da FA, vamos começar com o ataque que promoveu o QB coach Pep Hamilton para coordenador ofensivo e adicionou Tim Berbenich (TE coach) ex Raiders, George Warhop (OL coach) ex Jaguars, Ted White (assistente ofensivo), Hal Hunter (assistente de linha ofensiva), mantendo Danny Barrett (RB coach), DeNarius McGhee (assistente ofensivo) e mantendo e promovendo Ben McDaniels (WR coach/coordenador de passe).

Com preocupação em desenvolver o jogo terrestre como dito nas ultimas entrevistas por Lovie Smith os Texans deverão ir em busca de jogadores que ajudem a melhorar neste quesito. Sem muito CAP para trazer os principais FA da NFL e também não sendo um time atrativo no mercado para os jogadores, os Texans deverão investir em jogadores jovens que ainda não apareceram de fato na liga e que buscam um time onde possam jogar e conquistar um contrato mais vantajoso. Jogadores que foram treinados pelos os novos treinadores dos Texans também deverão ser alvos. Jogadores veteranos (acima dos 30) não acho que seja um mercado que os Texans deverão explorar tal qual foi em 2021 pois o time já tem uma base melhor do que ano passado e possui uma cultura melhor e mais atrativa. Dito isto vamos a alguns nomes que acho que poderão acabar pintando aqui em Houston.

Quarterback

Joshua Dobbs – Steelers: Acho muito difícil que os Texans renovem com Tyrod Taylor por mais uma temporada visto que ele não consegue se manter saudável. Dobbs é um QB móvel parecido com Taylor, se Pep quiser manter um QB desse estilo para temporada Dobbs seria uma boa contratação custo benefício.

Alternativas: Marcus Mariota (Raiders), Geno Smith (Seahawks), Mitchell Trubisky (Bills) e Jacob Brissett (Dolphins).

Guard

Andrew Norwell – Jaguars: É uma classe recheada de bons guards e Norwell que foi contratado pelos os Jaguars vindo dos Panthers não fez a diferença que muitos se imaginavam, mesmo assim eu acho que seria uma boa contratação para linha ofensiva dos Texans e é um jogador que conhece o trabalho de George Warhop.

Alternativas: Will Hernandez (Giants), AJ Cann (Jaguars), Ethan Pocic (Seahawks), Connor Williams (Cowboys) e John Miller (Panthers).

Tight End

OJ Howard – Bucs: TE vai ser a posição mais difícil de prever do que os Texans irão buscar na FA se será bloqueador (então jogadores mais baratos) ou se pegará outro TE recebedor capaz de fazer uma boa dupla com Brevin Jordan. Escolhi o OJ Howard por que ele não se desenvolveu naquilo que se imaginava quando saiu do college e vem de duas temporadas fracas e com lesões, mas o talento existe e apostar num jovem jogador e que chegaria num contrato baixo custo para se provar seria o ideal.

Alternativas: David Njoku (Browns), Dalton Schultz (Cowboys), James O’Shaughnessy (Jaguars), Ian Thomas (Panthers) e Ricky Seals-Jones (Commanders).

Running Back

Leonard Fournette – Bucs: O jogo corrido foi horrível em 2021 e o melhor RB dos Texans acabou terminou com 427 jardas totais e apenas 3 TD. Fournette seria uma bela adição e ajudaria demais a vida de Davis Mills no ataque. Por querer estabelecer um jogo corrido bom acredito que os Texans irão tentar fazer um investimento mais pesado. Fournette jogou com George Warhop nos Jaguars em 2019.

Alternativas: Darrel Williams (Chiefs), Rashaad Penny (Seahawks), James Conner (Cardinals), Chase Edmonds (Cardinals) e Sony Michel (Patriots).

DEIXE UMA RESPOSTA