Inicio da reconstrução

Com o espaço no cap pra investimentos curtíssimo, a diretoria parece ter começado os planos de reconstrução do time nessa nova temporada. Além disso, o franchise quarterback Drew Brees se aposentou, e agora resta saber qual será o plano de New Orleans para o futuro em uma nova era sem Brees.

Última temporada

Na última temporada, apesar de não ganhar o Super Bowl, os Saints fizeram uma temporada excelente, mesmo com lesões. Essa campanha foi magnífica e, mesmo perdendo para o campeão e rival Tampa Bay, Brees se mostrou um verdadeiro líder e reafirmou o porque de ser o franchise QB da equipe. Porém, a idade, lesões e capacidade física complicaram a vida do atleta. Após a derrota para os Buccaneers já era noticiado que Drew Brees se aposentaria.

O novo titular para posição

Em 2020, quando Brees estava fora, James Winston e Tayson Hill foram titulares em determinados jogos. Dessa forma, a luta pela vaga ainda está aberta, com nenhum  dos postulantes convencendo de que merecia absolutamente a vaga.

O draft e a nova promessa

O draft sempre trás consigo promessas e novos atletas que sonham em terem holofotes no gramado. Nesse caso, o time de New Orleans, para a surpresa de todos, selecionou Ian Book, da universidade de Notre Dame. Foi uma escolha bem tardia e muito criticada, por não ser um atleta pronto e não estar nem perto de ser um dos melhores prospectos.

O futuro e a incógnita na posição de QB

Assim com a chegada do rookie, e os veteranos candidatos à vaga, a disputa está em aberto. Dessa forma, nos resta esperar para ver como o time se desenvolverá, porque mesmo com todos esses problemas, ainda tem um núcleo forte defensiva e ofensivamente. O time pode vir a surpreender, principalmente levando em conta que o esperado é um queda abrupta de rendimento, mas o futuro é incerto e imprevisível, quem sabe não rola uma zebra?

DEIXE UMA RESPOSTA