Mudança de nome em Washington: agora é oficial!

E aconteceu o que muitos consideravam impossível (Eu mesmo considerava improvável); Frente à uma gigantesca pressão por parte da mídia, de entidades que lutam por direitos de minorias, através de mecanismos que não convém citar aqui (o meu amigo Antonio Cruz já comentou a respeito), a franquia Washington Redskins anunciou oficialmente que iniciará um processo para mudança do nome.

Antes de mais nada, só pra tirar o elefante da sala, um resumo rápido do meu posicionamento pessoal:  Nada tenho (ou tinha) contra o nome Redskins, mas também estou tranquilo com a mudança. Sou apaixonado pela franquia e sua história, não pelo nome dela. Se você quiser saber mais detalhes sobre meu posicionamento estou mais do que aberto a discutir isso no nosso grupo de WhatsApp.

O que está por vir

O que eu quero mesmo tratar aqui é o que pode acontecer daqui pra frente. Conforme a coisa foi escalonando uma gigantesca quantidade de especulações sobre possíveis nomes e fã-artes com logotipos começaram a aparecer nas redes sociais. Algumas opções que julgo excelentes. Outras horrorosas. Algumas ousadas. Outras covardes. Tem de tudo.

Os nomes de franquia mais bacanas para mim são os que tem alguma personalidade. Seja por identificação com a localidade onde é situada (Seahawks,  Steelers), seja por uma história interessante por trás (49ers, Ravens) que geram algum tipo de orgulho ao habitante local e que ajudam a ter mais identificação com o time. O que eu gostaria acima de tudo é evitar nomes genéricos apenas por serem um Superlativo qualquer, mas que não fazem qualquer alusão ao local onde a franquia é situada.

Giants, por exemplo. Tão genérico que pode ser um time de futebol americano com sede em NY e um time de Baseball com sede em São Francisco. Ou você acha que existe alguma chance de um dia existir um time chamado “Miami Steelers” ou algo assim. Não faria o menor sentido. Steelers só faz sentido associado à cidade de Pittsburgh. É esse tipo de identificação que eu gostaria.

Mudança de nome em Washington

Buscar personalidade, entretanto, também implica em algum tipo de risco na medida de que pode acabar ofendendo algumas pessoas. Não vou entrar no mérito de discutir de novo o nome “Redskins” aqui. Mas pra citar há algum burburinho de alguma polêmica sobre os nomes Patriots e Cowboys por exemplo. Inegavelmente são nomes fortes, mas que se o militante quiser, vai encontrar algum motivo pra se sentir ofendido. Também vi relatos de pessoas pedindo mudança do nome Vikings em Minnesota, alegando que não representaria direito a cidade e a torcida. O que, claro é um absurdo; se tem um lugar que combina com o nome Vikings é justamente Minneapolis.

Parece haver consenso que a maior chance são de que o novo nome tenha alguma alusão à temática militar. Certamente também é um risco. Sempre pode haver militantes anti-guerra que podem enxergar no nome algum tipo de apologia e defesa da indústria bélica. Ainda assim prefiro algo assim em vez de alguns nomes genéricos que citarei a seguir. Mas não condenarei Dan Snyder se ele optar por um caminho mais seguro. Não querer se incomodar mais com esse tipo de coisa é mais do que compreensível.

Opções já especuladas

Vejamos algumas opções comentadas nas redes sociais (sem ordens de preferência aqui).

Washington Warriors

Talvez o nome que eu mais detesto. Genérico demais. Embora ainda possa fazer alguma alusão ao nome anterior (afinal, índios são também “guerreiros”), não gera muita identificação com a cidade em si. Felizmente boatos dizem que parece ter sido deixado de lado por semelhança com a franquia da NBA.

Washington Redtails

O primeiro nome com temático militar da lista e desse eu gosto muito. Referência ao esquadrão formado apenas por soldados negros que lutou na 1ª. Guerra Mundial (tem um filme muito bacana a respeito, produzido pelo George Lucas – fica a recomendação). Além de fazer menção a uma história interessante abraça o discurso de representatividade tão em moda hoje em dia. Além de ter um logo muito bom circulando pela internet. Infelizmente também parece ter sido descartado.

Washington Redhawks

Esse parece quase uma provocação, já que Washington RedHawks foi o nome de um grupo criado por descendentes indígenas justamente para lutar pela mudança de nome da franquia. É possível que o grupo abrace a ideia se julgar que RedHawks não carregue um tom pejorativo como é o caso de Redskins. Mas não parece uma boa ideia mexer nesse vespeiro.

Washington Monuments

Como fica claro no logo acima, é uma menção aos inúmeros monumentos históricos na cidade de Washington, mas praticamente quase toda cidade tem seus monumentos históricos. Não é horrível, mas num momento de discutir derrubadas de estátuas históricas pelo mundo talvez não seja uma boa ideia.

Washington Redskins mudar nome
Opções de identidade visual e novas possibilidades para a franquia de Washington
Washington Presidents / Lincolns / Jeffersons / Roosevelts 

Coloquei todas essas opções citadas (algumas muito cotadas em casas de apostas) no mesmo grupo porque minhas restrições contra elas são as mesmas. Atrelar o nome da franquia a algumas figuras históricas pode afastar pessoas que não se identifiquem com os ideais vinculadas a essa figura. Sem falar que Thomas Jefferson era dono de escravos o que por si só já seria motivo de controvérsia hoje em dia. Mesmo Lincoln (estrela do partido republicano) e que lutou e acabou com a escravidão teve estátuas derrubadas nas últimas semanas. E o nome “Presidents” pode fazer algumas pessoas identificarem a franquia ao presidente que estiver exercendo o cargo no momento.

Washington Generals

Abraça a temática militar, mas talvez falte alguma personalidade. Não acho ruim, mas tem opções bem melhores.

Washington Americans

Confesso que não tinha parado pra pensar nesse, mas não me parece de todo ruim. Se lembrar do nome anterior Redskins e passar pra “Americans” pode passar uma ideia de unidade do povo e união e acho a ideia bacana. Meu amigo André Zampieri provavelmente acharia horroroso, mas não me desagrada tanto, embora ainda seja um pouquinho genérico também. Funcionaria só nesse contexto.

Washington Kings
Tudo o que eu falei sobre o nome Warriors, repete aqui. Horrível.
Washington Capitols

Cópia do nome da franquia de Hockey.

Washington Nationals

Cópia do nome da franquia de Baseball (da qual sou torcedor, mas porra…. vamos lá…. da pra ser mais criativo).

Washington Memorials / Veterans / Arlingtons

Coloquei os 3 nomes juntos porque obviamente fazendo alusões a veteranos de guerra, que lutaram ou morreram pela pátria. Gosto das 3 possibilidades.  Respeitoso. Bonito. Alguma imponência.

Washington Braves / Natives / Originals

Três opções pra manter a temática indígena. Gosto de todas (Braves inclusive era o nome original da franquia antes de virar Redskins) mas acho que manter a temática (e logo) fazendo algum tipo de alusão à temática indígena é dar chances para as pessoas  acharem algum motivo pra polemizar no futuro. Ironicamente devemos diminuir a representatividade pra agradar pessoas que dizem lutar pela representatividade. Sinal dos tempos.

Washington Warhogs

De longe minha opção favorita. Especialistas em “Branding” costumam dizer que em situações como essas, costuma-se usar o nome pelo qual o time é conhecido pelo público, algum apelido, algo que gere identificação com a torcida. E o nome faz referência à linha ofensiva monstruosa que o time teve nos anos 80, começo dos anos 90 (“The Hogs”) no time comandado por Joe Gibbs, considerado por muitos como a grande força e o grande motivo que fez o time conquistar 3 títulos nacionais no período. É um nome com clara identificação com a torcida que não poderia ser adaptado a nenhuma outra franquia da NFL. Respeitoso com todos, provavelmente à prova de polêmicas, fazendo referência a um período de glória e tradição. Mas duvido que seja o caminho que seguirão, infelizmente.

Conclusão

Esses foram os principais opções com as quais me deparei nos últimos dias, mas certamente devem ter ocorrido mais. Há algumas outras opções de logo, além das que postei pra cada nome (não achei nenhuma muito bacana, então optei por não mostrar, mas a internet está aí pra quem quiser procurar). A opção final talvez não seja nenhuma dessas. E não tem problema. Isso não é um exercício de futurologia ou previsão. Apenas um comentário do que eu vi na minha bolha nas redes sociais nos últimos dias.

Este foi o artigo sobre a mudança de nome em Washington. Essas são minhas opiniões sobre cada ponto. Fiquem à vontade para ter as suas. E viva a tolerância e o diálogo.

#HTTR

texto por Cristiano Ludvig (tt: @ludvigcristiano)
revisão por Diogo Araujo (tt: @diogoniiiii)

__
“Hail to the Redskins, hail victory! Braves on the warpath, fight for old D.C.!”

DEIXE UMA RESPOSTA