Van Gundy no Pelicans – Parte 2

A segunda parte da entrevista do Seu Barriga em sua apresentação está aqui, na palma da sua mão (literalmente)!

Van Gundy fala de Zion, cultura e igualdade racial, além da offseason e muito mais nessa segunda parte.

 

 

Pode falar mais da sua relação com JJ Redick, e falando em defesa, já decidiu seus assistentes?

SVG:¬†Minha rela√ß√£o com JJ √© valiosa. Trabalhamos juntos por 5 anos em Orlando,e eu vi ele ralando todo dia, um dos caras mais focados e comprometidos que j√° vi em 25 anos de NBA, algu√©m muito inteligente e que conhece o jogo e a vida. Mantive contato pelos √ļltimos 8 anos, e tenho enorme respeito por ele, e uma das coisas que ele me disse √© que temos grandes pessoas nesse time. Todos s√£o √≥timos. N√£o tem um cara ruim aqui, voc√™ vai amar trabalhar com esse time, e isso significou muito pra mim porque sei os padr√Ķes do JJ quando ele elogia algu√©m. S√£o muito altos.

Quanto a assistentes, é algo que Griffin e eu estamos trabalhando juntos, agora não temos nada certo para anunciar, mas estamos progredindo nisso, e temos excelentes candidatos com grandes idéias, deve acontecer logo. Do jeito que a NBA está indo, quem sabe não começamos o training camp semana que vem, então vamos ter que achar assistentes no fim de semana (risos)

Com todas as anota√ß√Ķes que voc√™ fez, como voc√™ v√™ que a NBA mudou o como sua filosofia se ajustou?

SVG:¬†Olha, o jogo continua evoluindo e mudando, mas um pouco disso come√ßa a voltar ao ponto incial. Continuamos vendo as bolas de 3 aumentarem, por conta das trocas defensivas que tamb√©m aumentaram, isso muda como voc√™ faz trocas defensivas numa posse. Vemos mais defesa por zona, e isso muda o ataque, com certeza basquete sem posi√ß√Ķes est√° virando cada vez mais a realidade. Por√©m, muita gente quer falar de¬†smallball¬†e eu acredito que o que estamos vendo √© o valor de jogadores alto e habilidosos. ent√£o, √© jogo de per√≠metro, n√£o¬†smallball.¬†Isso te permite fazer coisas nos 2 lados da quadra.

Mas conforme o jogo muda, voc√™ sempre precisa ajustar como t√©cnico, toda noite fazer ajustes baseado em quem voc√™ enfrenta, logo n√£o √© t√£o diferente de 2018 quando eu trabalhei por √ļltimo. Tem coisas que voc√™ precisa ajustar, algumas jogadas que os times em geral usam, precisa prov√°velmente gastar algum tempo nisso ao inv√©s das jogadas de 2018.

Qual papel você enxerga para o Zion?

SVG:¬†Tenho uma vis√£o pro que ele √©, um cara multi-talentoso. Ele √© um playmaker incr√≠vel para seu tamanho, ele pode pegar o rebote e liderar o contra-ataque, fazer jogadas, ele passa, bate a bola, finaliza em cima de jogadores maiores no garraf√£o, √© multi-talentoso. N√£o vejo ele como um 4 ou 5 (ala-piv√ī ou piv√ī), n√£o acho que esses r√≥tulos importam pra ele, acho que conforme estudamos e conversamos com ele sobre o que ele prefere, √© mais em que condi√ß√Ķes queremos colocar ele, e quem s√£o os melhores ao redor dele. N√£o √© limitando ele a uma posi√ß√£o. Vamos come√ßar com isso, e na minha opini√£o, conforme o tempo passa, vou descobrir que ele pode fazer mais coisas ainda que eu pensava, e as tudo vai caminhar pra ele.

O que pensa do perímetro, defensa interior, Lonzo Ball no ataque de meia quadra e problemas na defesa interior?

SVG:¬†Vou come√ßar pela segunda parte, quando se fala de defesa, as pessoas tendem a pensar em piv√īs. Eu diria que a primeira coisa em defesa interior √© n√£o deixar a bola chegar l√° dentro. Se a bola chega no cora√ß√£o da defesa facilmente, nossa defesa vai ser quebrada facilmente e vamos ter problemas com faltas e os coitados dos piv√īs v√£o estar em situa√ß√Ķes comprometedoras frequentemente. N√£o podemos deixar s√≥ na m√£o do pessoal no garraf√£o, por√©m quando sua defesa √© quebrada, e ela vai inevit√°velmente contra bons times, tem muitas maneiras de defender o garraf√£o. Tem bloqueadores, como Jaxson Hayes ser√°, tem √≥timos defensores de posi√ß√£o, que realmente entendem verticalidade, e tem caras que s√£o f√≠sicos, que criam faltas de ataque. Precisamos de¬†todos¬†eles, n√£o apenas nossos¬†bigs¬†defendendo. Todos precisam estar dispostos a se colocar entre a bola e a cesta. Defensa interior √© muito importante, mas √†s vezes costumamos colocar essa responsabilidade em alguns caras, quando √© um trabalho de equipe. Vamos ter muito trabalho pela frente quanto a isso.

Meus pensamentos quanto ao Lonzo s√£o, quanto a ataque: n√ļmero 1, n√£o acho que tenha ningu√©m melhor na NBA puxando um contra-ataque e permitindo que voc√™ ataque antes da defesa se posicionar que ele. Tantas vezes, tanto comentando quanto assistindo jogos pela TV, ele vai avan√ßar a bola sem nem bat√™-la no ch√£o. Isso √© √ļnico, e realmente coloca caras como Jrue Holiday, JJ Redick, Ingram e Zion em posi√ß√£o para atacar, onde a defesa n√£o tem como ajudar. A maior evolu√ß√£o do Lonzo foi na bola de 3, ele melhorou muito, e isso n√£o ajuda somente ele, mas o espa√ßo que cria para outros criadores, como Jrue e Ingram, √© muito bom para o time. E, a terceira coisa, e estou falando isso pelo que vi no filme, Lonzo parece ser muito inteligente, e jogadores inteligentes cedo ou tarde acham um jeito. Passei por isso com JJ, ele chegou na liga e demorou um tempo para construir sua carreira, mas caras inteligentes e trabalhadores acham um jeito com o passar do tempo e continuam a evoluir. Portanto, mesmo sendo bom como ele √©, e ele √© muito bom, acredito que podemos esperar um bom desenvolvimento para ele nos pr√≥ximos anos.

Suas id√©ias sobre a pr√≥xima temporada, e o que voc√™ pensa da equipe na √ļltima temporada.

SVG:¬†Eu adoro o ritmo que o time jogou na √ļltima temporada, e acredito que eles foram muito solid√°rios. Ningu√©m no time segurou a bola, ou for√ßou jogadas. A bola se moveu muito bem, e isso te d√° chance de atacar muito bem de maneira consistente.

Sobre a próxima temporada, não sou fã de colocar esse tipo de metas, e não é que tenho medo que as metas serão muito altas, tenho medo de serem muito baixas. Digamos que eu coloco a meta de chegar aos playoffs ou vencer mais da metade dos jogos, e aí faltando 3 semanas para o fim da temporada somos a sexta equipe, 10 jogos acima dos 50%. Podemos diminuir o ritmo agora? Sei que é de praxe, mas a verdade é que o meu objetivo, e o de todos aqui é melhorar dia após dia, se estivermos comprometidos e trabalhando nisso todos os dias, os resultados vão seguir de forma natural.

Como você vê a relação entre analítica e treinador mudou, e qual sua relação com isso?

SVG:¬†Anal√≠tica ajuda muito e acredito que um dos movimentos menos repercutidos dessa p√≥s-temporada que Griffin e o pessoal fizeram foi trazer Michael Hartman para liderar anal√≠ticas aqui, e n√≥s est√°vamos trocando mensagens ontem √† noite, eu comecei a perguntar um monte de coisas pra ele, e ele est√° se mudando pra New Orleans, ent√£o espero que ele n√£o mude de id√©ia por eu estar enchendo o saco dele tanto. Mal posso esperar pra sentar com ele e perguntar coisas, porque tenho muitas coisas que estou curioso e posso fazer diferente quanto a treinos e filosofia. Mas quero saber o que os n√ļmeros t√™m a dizer sobre isso. Ansioso para ter uma grande rela√ß√£o com Michael e fazer ele trabalhar muito.

Muito se fala sobre cultura, e isso é de praxe. Obviamente construir uma cultura é um processo, o que você aprendeu e como você acha que esse Pels pode alcançar algo similar?

SVG:¬†Todos n√≥s da franquia nos conectamos quanto a cultura, porque, cultura realmente √© um corpo de valores compartilhados de como voc√™ quer fazer as coisas. Estamos muito alinhados nisso. As 2 coisas que realmente acredito quanto a cultura s√£o que tem muito pouco a ver com o que voc√™ fala e tudo a ver com o que voc√™ faz todo dia. Eu comecei minha carreira trabalhando para o Pat Riley em Miami e falam da cultura do Heat o tempo todo, mas quando eu estava l√°, e eu estive l√° por mais de 10 anos, eu n√£o me lembro uma √ļnica vez do Riley sequer usando essa palavra. E ainda assim, cada jogador da franquia poderia te dizer exatamente o que era a cultura do Heat. Portanto, voc√™ constr√≥i isso dia a dia, intera√ß√£o a intera√ß√£o, passo a passo, e com o tempo, as pessoas v√£o saber qual √© a da sua organiza√ß√£o. Qual √© a dos seus l√≠deres. Do topo at√© os jogadores, e eles v√£o passar para os pr√≥ximos jogadores, e √© assim que se constr√≥i uma cultura. N√£o √© do dia pra noite, voc√™ s√≥ pode acelerar at√© certo ponto o processo, leva tempo.

A segunda coisa quanto a cultura é que por mais que eu, Griffin, Trajan, Swin, todo mundo até acima de nós tente dar o exemplo, no final do dia ela será o que nossos melhores jogadores decidirem que será. Então, esses são os caras que precisam tomar responsabilidade por criar o tipo de cultura que queremos por aqui.

Muitos t√©cnicos falam sobre defesa, e sei que √© algo que voc√™ prega desde o in√≠cio da sua carreira, mas francamente, como voc√™ faz caras que ganham milh√Ķes de d√≥lares se comprometerem com esse tipo de esfor√ßo?

SVG:¬†Olha, a grana √© praticamente irrelevante. √Č parte do neg√≥cio que eles est√£o, negociar contratos. Minha experi√™ncia √© que no momento que eles pisam em quadra, n√£o importa. Eles querem jogar basquete, competir, eles n√£o estariam aqui se n√£o fossem competidores e quisessem vencer. Eles querem vencer, e voc√™ n√£o vencer√° se n√£o der conta do trabalho na defesa, e nenhum jogador vai ter o respeito que quer enquanto n√£o fizer parte de um time vencedor. Isso volta no que falamos sobre responsabilidade, n√£o funciona comigo batendo na cabe√ßa deles, tem que ser claro quanto aos objetivos individuais e coletivos, e tentar fazer eles entenderem o que √© preciso pra chegar l√°. E o que leva eles onde querem √© fazer parte de um grande time, e grande parte de um grande time √© a defesa. Quando eles entendem isso, eles entregam o esfor√ßo e foco que faz um bom time.

Voc√™ tem sido bem atuante politicamente nos √ļltimos tempos. Como os jogadores t√™m reagido a isso, e voc√™ planeja continuar assim ap√≥s a elei√ß√£o?

SVG:¬†Sem d√ļvida, a arena ser usada como local de vota√ß√£o √© tremendo por parte do Pels. Precisamos de locais de f√°cil acesso e seguros para votar, portanto arenas fazem muito sentido, e governadores como a senhora Benson ajudam muito. Uma das coisas que eu realmente gostei, quando se passa por uma entrevista, assim como Griffin e Langdon pesquisaram a meu respeito, eu pesquisei a respeito da organiza√ß√£o, e uma das coisas mais impressionantes para mim foi a senhora Benson fazer parte do conselho da Funda√ß√£o NBA, 8 pessoas colocando 30 milh√Ķes de d√≥lares por ano para empoderar economicamente comunidades negras. Portanto, claramente h√° comprometimento da parte dela para fazer coisas que voc√™ pode se orgulhar de fazer parte.

Ao menos na minha situa√ß√£o, estamos trabalhando com pessoas predominantemente negras, e ou√ßo hist√≥rias o tempo todo, quando voc√™ tem a chance de trazer √† tona isso e ajud√°-los, voc√™ quer fazer. Dennis Lauscha comentou que quer fazer isso da maneira mais construtiva poss√≠vel, assim voc√™ traz mais pessoas ao inv√©s de afast√°-las. Eu achei um grande coment√°rio, e tento manter isso em mente nas √ļltimas 2 semanas. N√£o tenho sempre feito um grande trabalho quanto a essas causas, e as acho muito importantes.

Qual foi o momento do estalo, onde você soube que Stan Van Gundy era o cara pro trabalho?

Griffin: Trajan estava muito comprometido de início no processo, mas o momento para mim foi quando passei um tempo com ele e a esposa dele, Kim, ele falou sobre cultura, eu vejo minha esposa e eu refletidos no Stan e sua esposa. Acho que Stan percorreu o caminho dentro e fora da quadra na sua vida. Isso realmente importou pra mim, particularmente estando afastado por alguns anos ele teve tempo para entender exatamente onde eu estava errando. Ele estava comprometido a fazer isso como uma família da maneira certa, e conosco (Pelicans), e quando eu vi isso, esse foi o momento onde tudo se encaixou.

Quais s√£o os maiores desafios em tentar acelerar tudo caso a temporada comece em dezembro?

Trajan:¬†Estamos todos tentando nos adequar a isso ainda. Log√≠sticamente, √© quest√£o de gerenciar o tempo, voc√™ s√≥ tem um n√ļmero de horas num dia para fazer tudo, e nesse momento s√≥ temos um determinado tempo para nos prepararmos para o¬†draft,¬†montar uma equipe t√©cnica, nos preparar para a¬†free agency. Tem muita coisa pra ser feita no nosso local de treinos, deixa-la higienizada, a liga vai nos cobrar muito nisso. N√£o apenas para receber as escolhas de draft e agentes de jogadores, mas para estarmos prontos para a pr√©-temporada. Muita coisa que n√£o sabemos ainda ser√° pedida a n√≥s, ent√£o estamos nos preparando com o que sabemos e temos controle, e n√£o vamos nos precipitar quanto ao resto, mas o desafio √© o n√ļmero de dias.

Griffin: Faço dele minhas palavras, e a idéia de iniciar a free agency junto com a pré-temporada é inquietante. Pensar em trazer gente na pré-temporada em cima da hora, não consigo imaginar como isso é para o técnico, não saber diariamente quem e quantos jogadores você terá, parece um início complicado para todos.

SVG:¬†Quando li outro dia que podemos iniciar 1 m√™s antes, pensei “wow”. Claro, chegando em uma situa√ß√£o nova, voc√™ gostaria de ter tempo para trabalhar, mas trabalhei com alguns t√©cnicos incr√≠veis na minha jornada, e um cara que eu tinha um respeito enorme era Nick Macarchuk, em Canisius e Fordham. Ele sempre dizia para os jogadores, e eu penso nisso todo dia desde que assumi esse trabalho: “n√≥s vamos estar prontos para competir qualquer hora, qualquer lugar, sob qualquer condi√ß√£o”. De um lado, este √© um √≥timo jeito de passar essa mensagem para nossos jogadores. Quando voc√™ deve estar pronto para a pr√©-temporada? Quando nos disserem. Isso continua na temporada – temos¬†back-to-backs, sem desculpas. Qualquer hora, qualquer lugar, qualquer condi√ß√£o, n√≥s vamos estar prontos para competir. Pode ser mais r√°pido do que eu gostaria, mas √© o que √©, e eu vou estar preparado.

 

 

E a√≠, qual sua opini√£o sobre os assuntos abordados pelo novo t√©cnico do Pelicans? Comente, xingue, e d√™ sugest√Ķes!

Todos os conte√ļdos publicados neste site s√£o de responsabilidade de seus autores e n√£o necessariamente refletem as opini√Ķes e posicionamentos da FN Network.

Deixe um coment√°rio

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

NOT√ćCIAS RELACIONADAS

LDP-45-HD
Let¬īs Dance Podcast #45 – Slow start
LDP-44-HD
Let¬īs Dance Podcast #44 – Temporada 23/24
b√īnus de boas vindas cassino online
B√īnus de boas-vindas: veja como aproveitar e se esbaldar nos melhores cassinos online
imagem de b√īnus de casas de apostas
ūüéĀ Tipos de b√īnus de casas de apostas: os benef√≠cios dos b√īnus de apostas
betnacional-melhor-plataforma
Descubra a Emoção Do Betnacional: A Melhor Plataforma de Apostas Do Brasil
LDP-43-HD
Let¬īs Dance Podcast #43 – Que venha a Offseason
jogadores lend√°rios da NBA com suas camisas aposentadas da NBA
Camisas aposentadas da NBA: saiba tudo e vista a história da liga
LDP-42-HD
Let¬īs Dance Podcast#42 – Fim da Temporada!
palpites-trail-blazers-mavericks
Palpites, apostas e onde assistir Portland Trail Blazers x Dallas Mavericks (15/01) pela NBA