O New England Patriots (4-6) vai receber no Gillette Stadium o Arizona Cardinals (6-4), domingo (29) às 15:00 (horário de Brasília). Com duas vitórias nos últimos três jogos, o Patriots está na terceira posição da AFC leste e viu suas chances de playoffs diminuírem após a derrota para o Texans na semana 11. 

A derrota para o Houston Texans foi um balde de água fria na torcida do Patriots, após duas vitórias consecutivas, o time parecia entrar em ritmo. As chances para a pós-temporada diminuíram e o time está em terceiro na AFC leste e em 11º na classificação geral da AFC. Do outro lado, Cardinals também segue em terceiro da NFC oeste, mas dentro do wild card, com chance de vencer sua divisão. 

O jogo terrestre tornou-se o motor de New England essa temporada e deve seguir assim até o final, com Damien Harris (RB) comandando o corpo de running backs em jardas, além de Cam Newton (QB) que tem 9 TDs correndo com a bola e é o líder no quesito do time. Porém, no ataque aéreo, tem estado aquém da expectativa e do que demonstrou nas primeiras semanas. Contra um Arizona que cede 256 jardas aéreas e 157 terrestres, por jogo, novamente poderemos ver um Patriots correndo bastante com a bola. 

Apesar de estar em 23/32 na defesa de jardas terrestres, Arizona possui 25 sacks na temporada 2020 e é Top 10 na liga. A linha ofensiva cedeu 18 sacks em 2020 e não contará com Isaiah Wynn (LT) no jogo. Passes rápidos e correr com a bola podem ser a saída de New England para evitar que Newton seja jogado ao chão e o time perca as jogadas. Mesmo contando com Patrick Peterson (CB) na secundária, os wide receivers principais  (WR1) dos times conseguiram pelo menos 100 jardas em metade dos jogos contra o Cardinals. 

Nos últimos três jogos a defesa do Patriots tem se comportado bem contra o jogo terrestre, com uma média de 78 jardas permitidas, em compensação, cedeu 281 jardas aéreas no mesmo período. Jogar contra um ataque que possui DeAndre Hopkins (WR) e Kyler Murray (QB) não é um trabalho fácil, Patriots tem demonstrado dificuldade em jogar contra quarterbacks móveis, mas conseguiu limitar Lamar Jackson (QB),  com um front seven que segue tendo problemas em pressionar o QB adversário, Murray pode conseguir tempo suficiente para Hopkins e seus companheiros encontrarem espaços no campo e receber a bola, além da big play ser algo a prestar atenção, visto que é um ponto bastante utilizado pelo Arizona. 

 

FORA DO JOGO

Patriots

Rex Burkhead (RB)

Isaiah Wynn (T)

Cardinals 

Darrell Daniels (TE)

Josh Mauro (DL)

Jalen Thompson (S)

Todas as informações sobre o Patriots você pode acompanhar no twitter @doyourjobpod, instagram @doyourjobpodcast. Não deixe de se inscrever no canal do Youtube Do Your Job Podcast e assista às análises táticas rodada a rodada. Aqui no fumble na net e nas plataformas digitais você pode ouvir o podcast semanal Do your job. 

 

DEIXE UMA RESPOSTA