BIG D, BABY! Voltamos com o tanque cheio e atropelamos as galinhas urbanas em grande estilo! Com transmissão ao vivo pelo Sunday Night Football, vencemos os frangos de Philadelphia, trazendo de volta a liderança da NFC East (Leste).
Depois de uma forte sequência de derrotas sofridas pela equipe de Dallas, parece que o cavalo se encilhou e o time entrou em campo motivado para ganhar do seu rival de divisão, não podendo ser diferente, o massacre aconteceu, e a felicidade se sucedeu.
Doug Pederson disse, na segunda-feira de manhã, a seguinte frase: “Os Eagles estão indo para Dallas, e nosso pessoal estará pronto para jogar, e vamos ganhar! E quando o fizermos, estaremos em primeiro lugar na divisão.” Pederson mais tarde insistiu que não era uma garantia, mas sim uma demonstração de confiança em sua equipe. Seu desejo em retornar à Philadelphia em primeiro lugar foi um tanto quanto equivocado, pois ficamos com a impressão de que os Franguinhos nem compareceram no Domingo. Os Cowboys jogavam como craques e as Águias ciscavam como galinhas com fome!
No geral, o time foi bem. O elenco se encaixou, a confiança predominou e ajustamos o retrovisor, conforme manda o figurino. Mas o que falar de Brett Maher? Ele chutou 62 jardas na última temporada e 62 jardas contra o New York Jets na semana passada. Desta vez o chute foi ainda mais longe: Maher acertou uma sapatada de 63 jardas e agora é o primeiro kicker na história da NFL com três gols de 60 jardas ou mais. Ele estava a 1 metro de empatar o recorde da NFL pelo maior Field Goal da história, feito por Matt Prater, pelo Denver Broncos, que ocorreu na linha de 64 jardas.
É claro que não podemos esquecer do ataque, que desta vez, teve sucesso com as chamadas do Coordenador Ofensivo, Kellen Moore, ex-quarterback da franquia. Nós, torcedores dos Cowboys, sabíamos que esta vitória viria e o quão importante ela seria para retomarmos a confiança e a disputa pelo tão sonhado Super Bowl. O que não imaginávamos era que ela viesse tão fácil, o que nos deixou claro que podemos vencer a maioria dos jogos se Dak Prescott, Amari Cooper e Ezekiel Elliott jogarem como jogaram esta última partida. Prescott passou para 239 jardas e um Touchdown e correu para outra pontuação. Zekinha teve 28 toques em 147 jardas e um Touchdown, incluindo 111 jardas correndo com a bola. Cooper, que jogou apenas três drives contra o Jets por conta de uma lesão no quadrilátero, pegou cinco passes por 106 jardas.
Como é de costume, estaremos de Bye na próxima rodada, sendo assim, o que nos resta é torcer para os Búfalos terminarem de arrancar as penas das galinhas e apreciar um bom e velho whisky, ao som de Alan Jackson!
Vicente Busetti. dono do perfil @ZekinhaFaminto no Twitter, e colaborador com os textos da Nação Cowboys BR ao inverso.

DEIXE UMA RESPOSTA