Depois de muitos especulações, e muitos rumores finalmente tivemos uma resposta para a pergunta: Onde Julio Jones jogaria? Contudo, há três semanas recebemos a notícia de que o wide receiver iria para o Tennessee Titans.

Como pode se desenrolar o 2021 do Titans:

O calendário não vai ser nada fácil. Ainda assim, os Titans já chegaram em final de conferência com essa mesma base de jogadores. Segue abaixo o calendário da franquia:

Imagem

Tennessee tem totais chances de conquistar a sua divisão. Os duelos mais difíceis serão, sem dúvida nenhuma, contra Kansas City Chiefs, Los Angeles Rams e Miami Dolphins.

Com a adição de Julio Jones, o time volta a ter uma peça confiável no jogo aéreo. Para mim, uma incógnita nesse ataque é, sem duvidas, seu quarterback Ryan Tannehill. Mesmo já tendo se provado como um QB mediano para bom, ainda o vejo como um ponto vulnerável nesse ataque. Agora com Julio como o principal recebedor se juntando ao melhor running back da liga, Derrick Henry, esse ataque pode ter a melhor mescla de corridas e play actions da NFL.

Um outro fator que amplia a força desse setor é o também wide receiver A. J. Brown, que vem de duas temporadas seguidas de pelo menos mil jardas e oito touchdowns, e que aproveitou melhor as oportunidades deixadas pelas defesas adversárias. Ou seja, ainda que Julio tenha problemas em alguns jogos, AJ tem potencial para manter o jogo aéreo em alto nível.

Super Bowl é logo ali?

Tennessee tem chances, mas corre muito por fora nesse quesito. Não é o favorito na AFC, não se sabe se eles conseguiram bater de frente com times como Cleveland Browns e o próprio Chiefs. Os Titans possuem potencial para brigar pela AFC no ano de 2021, precisamos ver como o ataque vai funcionar com o novo coordenador ofensivo, e se o head coach Mike Vrabel, vai conseguir manter o vestiário.

DEIXE UMA RESPOSTA