Josh Allen já terminou a ultima temporada dando sinais de que pode ser o QB para levar Buffalo Bills a uma posição de mais destaque e, neste ano, tem confirmado a expectativa. Já são 16 passes para touchdown, além de quatro corridas para a end zone e 2.172 jardas aéreas com aproveitamento de 67.11%.

Mas, Allen terá um desafio especial no domingo. Enfrentar um dos melhores Qbs da última década e o, por enquanto, favorito ao MVP Russel Wilson. É bem verdade que a defesa de Seattle não é uma das mais desafiadoras da liga. Contudo, o tamanho do jogo justifica a dura missão que o QB dos Bills terá.

As atenções já estão voltadas para Josh Allen pelo seu bom desempenho, e enfrentando um time cotado para chegar ao Super Bowl, mais pressão será colocado nos ombros do QB. Especialmente considerando que as duas derrotas do Bills na temporada foram para times que também almejam uma vaga no SB: Chiefs e Titans. Além disso, o desempenho de Allen nessas partidas foi abaixo do esperado, com três interceptações e as piores médias de jardas por tentava na temporada até o momento.

Derrotas como essas e com desempenhos frustrantes como os apresentados colocam uma dúvida no ar:

– Será que Josh Allen pode lidar com a pressão de jogos decisivos contra as grandes equipes?

Em sua única aparição nos play-offs, no wild card do ano passado, derrota na prorrogação para o Houston Texans. Em um jogo onde o QB dos Bills teve um desempenho regular, mas não passou e nem correu para nenhum TD.

Levando tudo isso em consideração, é pertinente dizer que este jogo é sim uma prova de fogo para Josh Allen.

DEIXE UMA RESPOSTA