Por Victor Ferreira Silva


Na primeira série fora de San Francisco os Giants enfrentam o Guardians em Cleveland após 14 anos. O primeiro jogo da série ocorreu no dia 15 de Abril, celebrado nas Grandes Ligas como o Dia do Lendário Jackie Robinson onde todos os jogadores usam o número 42 (em azul do Brooklyn Dodgers) para homenagear aquele que quebrou as barreiras do racismo no esporte sendo um símbolo para uma luta ainda existente.
O arremessador a abrir a série foi Carlos Rodón. O Starter tem provado que foi uma das maiores contratações feitas na liga, nessa janela. Rodón arremessou em 7 entradas, permitindo apenas 2 rebatidas, 1 corrida, 1 erro, 1 Walk e 9 Strikeouts.

No Bastão tivemos um vislumbre da última temporada, uma vitória por meio de Home Runs. O primeiro Home Run do Shortstop Brandon Crawford na segunda entrada, mas ainda foi um dia frio para o bastão de Crawford que ficou com 1 rebatida em 5 oportunidades. Na sexta entrada tivemos o segundo Home Run da temporada e 150º na carreira de Joc Pederson (2-3), e na oitava entrada o segundo Home Run do catcher Joey Bart (2-4) para ampliar a vantagem do Giants para 4-1.
Destaque no montinho, além de Rodón, o papai da semana Tyler Rogers que entrou na oitava entrada e não cedeu nenhuma rebatida em 8 arremessos e Camilo Doval que teve seu segundo Save com grande ajuda da defesa, principalmente de Austin Slater que realizou uma grande defesa no último arremesso de Doval.
No Sábado (16/04, aniversário do também lendário Bruce Bochy) o Giants retornou com o mesmo alinhamento de sexta. No montinho, tínhamos Anthony DeSclafani, que tem enfrentado em suas entradas um problema de sempre ter alguém em base. Se Rodón tem um grande número de Strikeouts, Disco vai para o contato e tem que contar com a defesa para eliminar um maior número de jogadores adversários. Logo de primeira uma tripla de Myles Straw, e um Sac Fly de José Ramirez, para impulsionar a primeira corrida dos Guardians. Disco arremessou 4.2 entradas, com 5 rebatidas cedidas, 2 corridas, 2 erros e 2 Strikeouts.
No bastão, foi um dia complicado para San Francisco que não conseguiu uma rebatida sequer contra Quantrill até a quinta entrada, quando tinha algum jogador em base por Walk, não capitalizava uma corrida. Até que, um dos destaques da série, Thairo Estrada, conseguiu a primeira rebatida do Giants, seguido de Duggar e um Walk de Yaz. Bases lotadas e dois eliminados, o Capita Brandon Belt em um single coloca o Giants no placar com duas corridas
Mesmo com a vantagem, Disco cede duas rebatidas duplas que por muito pouco não viravam um Home Run no Bastão de Myles Straw e é substituído por José Álvarez que precisou de 2 arremessos para finalizar a entrada e manter a partida empatada por 2-2. EFICIÊNCIA é a palavra que vem definindo Álvarez, uma grande pena não vê-lo mais entradas como reliever, Gabe Kapler tem mantido o jogador apenas em momentos muito decisivos e ele tem atendido bem o chamado.
Falando no Bullpen, John Brebbia com mais uma atuação solida entrou na sexta entrada para faz duas eliminações, saiu para um Matchup mais favorável para Jarlín García que encarou bases cheias e uns dos melhores rebatedores do momento, Owen Miller, sem ceder corridas (mas contribuiu para a tortura dos torcedores). Na sétima entrada Dominic Leone eliminou 3 em sequência.
Na parte alta da oitava, os Giants conseguiram mais uma vez lotar as bases com chances de marcar e apenas 1 eliminado. Flores consegue um infield single, para dar a vantagem e mais uma vez utilizando o erro da defesa, em um wild pitch chegamos a 4-2.
Na baixa da oitava Tyler Rogers mais uma vez teve uma boa atuação cedendo apenas um hit e contou com a ajuda de Thairo Highlights Estrada que conseguiu um incrível double-play ao receptar uma paulada e mandar direto para a primeira base.
Na baixa da nona, Jake McGee, consegue nos torturar ainda mais para o save, chegamos a ter 2 jogadores em base, com nenhuma eliminação, jogadores nas esquinas com 1 eliminação, mas conseguimos passar para garantir a série com um Strikeout e uma bola que retornou diretamente para o arremessador para encerrar a partida em 4-2, Giants.
No domingo, e última partida para tentar garantir a varrida voltamos com Alex Wood no montinho, Wood teve um ótimo desempenho, apesar de uma contagem alta de arremessos (87 arremessos em 5 entradas completas) não cedeu corridas, com 4rebatidas, 5 Strikeouts e entradas menos estressantes que DeSclafani. O canhoto foi substituído por Zack Littell no topo da sexta entrada.
O Bastão, no domingo, saiu pra ver o sol em Cleveland. Apesar do dia muito frio próximas a 0⁰C, o bastão estava mais aquecido. Conseguimos marcar corridas nas entradas 2,4,6 e 7.
O destaque do Domingo, mais uma vez, Thairo Estrada (2-4), 4 corridas impulsionadas, com um 2-run-HR na segunda entrada, alcançando a primeira base depois de um erro de defesa que impulsionou corridas de Pederson e Crawford e batendo uma dupla no topo da sexta impulsionando Joc Pederson. Não podemos deixar de falar do Capitão Brandon Belt que com uma cintada, bateu seu 3º Home Run na Temporada.
Para o Bullpen, destaques para Zack Littell e Sam Long que fizeram entradas sem sustos, exceção para Tyler Beede que fez duas entradas cedendo uma corrida, no demais está se adaptando ao retorno de cirurgia entrando em jogos mais tranquilos no placar que finalizou em 8-1 Giants. Com a varrida atingimos 7-2, lideramos a NL West com Colorado, Los Angeles e San Diego na cola, todos com 6-2. Agora seguimos o caminho para Nova York onde enfrentaremos os Mets em uma série de 4 jogos!

Victor Ferreira Silva – Administrador, Pai da Madalena, Apaixonado pelo San Francisco Giants, Clubista de plantão no Gigantes do Beisebol e Cervejeiro Caseiro.

Colunista da rede Fumble na Net, âncora do Gigantes do Beisebol e Rebatida Podcast. Fã irremediável do San Francisco Giants, Beatles, Buster Posey e Dark Souls.

DEIXE UMA RESPOSTA