Passado de ouro

Newton foi draftado pelo Carolina Panthers e fez história. Em seu ano de estreia, quebrou recordes. Com uma grande temporada após ser a primeira escolha do draft, Cam foi o novato do ano e o novato ofensivo do ano.

Além dessas conquistas, ainda chamaram ele para o pro-bowl 3 vezes.

Em 2015, ele conseguiu quebrar mais recordes, e além disso, liderou o time dos Panthers pra uma campanha 15-1, conseguindo levar seu time ao SuperBowl.

Pedras no caminho

As contusões e grandes períodos fora do campo marcaram seus últimos anos em Carolina. Como exemplos de lesões em sua carreira, no dia 2 de outubro de 2016 uma concussão tirou Cam dos gramados por um breve período. Em 30 de março de 2017, Newton fez uma cirurgia no manguito rotador, que estava parcialmente rasgado.

Na data de 24 de janeiro de 2019, Cam passou por uma cirurgia no ombro, que já o incomodava a tempos. Já na temporada de 2019, ainda na semana 3, ele não jogou, e colocaram ele no banco pelo restante da temporada, mais para frente revelaram que foi porque ele sofreu com uma fratura no metatarso.

Nova temporada e novos projetos

Na temporada de 2020, Cam Newton estava livre na free agency e assinou com os Patriots. Um time com Bill Belichick de técnico e uma saída de Tom Brady deixando buraco, poderia ser sua chance de se provar.

Entretanto, essa temporada foi bem decepcionante por parte do time e dele. Isso porque, New England teve uma campanha de 7-9, conseguindo somente o terceiro lugar da divisão.

Futuro em cheque

Apesar de já ter se mostrado um grande jogador, Cam já possui uma idade bem avançada e seu currículo de lesões o atrapalha muito também. Mas, muitos dos times da liga possuem dúvida na posição de quaterback, e podem, talvez, dar mais uma chance para ele.

Por outro lado, com seus problemas e sua queda no rendimento o medo de qualquer time ao fechar contrato com ele é grande.

Cam ainda disse que vai continuar jogando e não irá se aposentar por agora, além de dizer que não é pior que 32 quaterbacks na liga, assim falando que em pelo menos alguns times poderia ser titular.

Seu talento não é dúvida, porém é arriscadíssimo um contrato com o ex-MVP. Assim como Curti sempre diz, “disponibilidade é uma habilidade na NFL”, então primeiramente Newton teria que se provar saudável, somente após isso, quem sabe esse grande jogador volte a brilhar.

DEIXE UMA RESPOSTA