É comum vermos nos esportes duplas de jogadores que ficaram muito famosas jogando lado-a-lado. Desde Bebeto e Romário até Jordan e Pippen, é muito comum vermos jogadores sendo dominantes quando jogam juntos. Essa semana, os Oilers venceram um jogo pela primeira vez, desde 2017, sem McDavid ou Draistl marcarem um ponto na partida.

Mas, enquanto a dupla é uma das mais dominantes hoje, quem foram as duplas mais dominantes na história da NHL?

Menção Honrosa –  Sidney Crosby e Malkin

A dupla mais dominante desde que o salary cap foi implementado na liga. Os dois são a melhor representação do hockey atual.

Desde 2007, ano que Malkin chegou na equipe do Penguins, a dupla acumulou quatro idas a Stanley Cup e título títulos conquistados. Além dos títulos, a dupla também lidera a liga em vitórias em temporada regular e playoffs; mais idas a Stanley Cup; e mais pontos marcados em playoffs.

Hoje, Crosby com 33 e Malkin com 34 anos, já não rendem mais como antes, mas a dupla marcou uma geração e será eternizada como uma das melhores na história da liga.

Mario Lemiux e Jaromir Jagr

Enquanto Crosby e Malkin ainda eram crianças aprendendo a amar hockey, essa dupla já encantava a torcida do Penguins. Em uma era em que o hockey era muito mais agressivo, Lemiux e Jagr se tornaram dois dos maiores jogadores da história.

Se fora do gelo os dois falavam idiomas diferentes, dentro eles só se comunicavam de uma maneira: através do puck. Juntos, eles combinaram para dois títulos da Stanley Cup, quatro MVPs e 11 títulos de pontuação.

Em uma época recheada de estrelas, Lemiux e Jagr conseguiram se destacar e se tornarem uma das duplas mais respeitadas da história.

Bobby Orr e Phil Esposito

Uma das duplas mais icônicas da história, Orr e Esposito são provavelmente os maiores ídolos da história do Boston Bruins pela maneira como revolucionaram o esporte. Diferente das outras duplas, formadas apenas por jogadores de ataque, a dupla de Boston era formada por um forward (Esposito) é um defensor (Orr).

Orr foi um dos jogadores mais revolucionários da história, já que foi um grande goleador, além de ser espetacular defensivamente. Durante a década de 70, um dos dois foi o maior pontuador da liga durante sete temporadas consecutivas. Além das conquistas individuais, os dois ainda levantaram duas Stanley Cups nesse tempo.

A dupla ficou marcada na história pela consistência de ambos e pelo fato de um deles ser um defensor. O Bruins teve diversos grandes jogadores em sua história, mas Orr e Esposito tem uma prateleira a parte no quesito idolatria.

Gordie Howe e Ted Lindsay

Apesar de ser uma dupla antiga, Howe e Lindsay tem reflexos enormes na liga até os dias atuais. Jogadores dominantes por mais de 20 anos, Howe e Lindsay foram a inspiração, para a maiorias das duplas citadas anteriormente aqui.

Companheiros de equipe, em uma das franquias mais vencedoras da NHL, a dupla conseguiu feitos inimagináveis para a época. Além de vencer quatro Stanley Cups para Detroit, a dupla também liderou a liga em pontos em sete ocasiões.

Enquanto Lindsay liderou a liga em apenas uma temporada, Howe foi seis vezes o maior pontuador, além de ter jogado 32 temporadas como profissional e ter marcado mais de 20 pontos em 22 temporadas consecutivas. Mesmo sendo em uma época completamente diferente, os dois deixaram um legado eterno na NHL.

Wayne Gretzky e Mark Messier

Talvez a dupla mais dominante da história da NHL, Gretzky e Messier são, praticamente, os fundadores da franquia do Edmonton Oilers. Além de terem formado uma das maiores dinastias da história da NHL, eles também se tornaram umas das maiores referências da história em termos de ataque.

Com Gretzky sendo o primeiro e Messier o terceiro em mais pontos marcados na carreira, isso mostra a dominância de ambos no ataque. Tendo vencido juntos quatro das cinco Stanley Cup da história do Oilers, os dois são a maior referência da história da franquia. Muito similares a dupla Jordan e Pippen, eles são lembrados como os melhores pontuadores da história.

Gretzky é o único jogador na história a ter atingido 200 pontos em uma temporada, tendo feito isso em quatro temporadas diferentes. O legado dos dois na NHL é gigantesco e em termos de dominância em qualquer esporte, talvez seja a maior dupla de todos os tempos.

DEIXE UMA RESPOSTA