Análise: o futuro de Aaron Rodgers pode ser parecido com o de Brady?

Após 20 anos no New England Patriots, Tom Brady assina com o Tampa Bay Buccaneers e se junta a um seleto grupo de Quarterbacks da NFL; como Joe Montana e Brett Favre, que fizeram história em suas franquias, mas acabaram em outras no final de suas carreiras. Diante disso, será que o futuro de Aaron Rodgers poderá ter o mesmo final de carreira que Brady? Confira nossa análise!

O ciclo final.

Foto: Dylan Buell/Getty Images

Aaron Rodgers já está na parte final de sua carreira, o Quarterback de 36 anos tem contrato com a franquia de Winsconsin até 2023; e inegavelmente está na busca para conseguir mais um anel e igualar Bart Starr com 2 vitórias em Super Bowl. Após os últimos anos com Mike McCarthy não serem dos melhores, Rodgers agora conta com uma comissão técnica jovem e competente que pode tirar o seu máximo na reta final de sua carreira, mas para isso acontecer, precisará de ajuda no seu corpo de recebedores; pois Allen Lazard, Jake Kumerow, Mark Valdez-Scantling e Ryan Grant, não são jogadores de nível semelhante a Devante Adams.

Rodgers tem uma incontestável ligação com o Green Bay Packers e é considerado por muitos o Rei do Norte, sendo uns dos pilares de uma talentosa geração de Quarterbacks. Assim como foi com Brady, será muito estranho ver Aaron Rodgers em um uniforme que não seja o verde e amarelo de Green Bay, mas em uma NFL que a cada renovação de contrato, os valores se sobrepõem tratando-se de Quarterbacks, fica cada vez mais real a possibilidade de Rodgers encerrar sua carreira fora de Winsconsin.

Possibilidades para o futuro

Ainda é difícil apontar onde Aaron Rodgers pode jogar quando seu contrato acabar, afinal, ele ainda tem 3 anos pela frente com os Packers; mas, visto que sempre algum time está a procura de um bom QB, e que nomes como Tom Brady e Drew Brees, que já passaram dos 40 anos de idade ainda estão em atividade, essa chance é real. Confira alguns possíveis destinos para Rodgers:

– Detroit Lions

O contrato de Matthew Sttaford se encerra em 2022 e troca-lo seria um início para começar o processo de reconstrução. Se Rodgers conseguir mais um título pelos Packers, assinaria um contrato mais baixo e faria a ponte para auxiliar o futuro Franchise Quarteback de Detroit.

– Chicago Bears

Seria horrível para o torcedor de Green Bay ver um dos seus maiores ídolos jogar pelo maior rival; mas, sabendo que Mitchell Trubisky não é o futuro dos Bears e Nick Foles é capaz de segurar as pontas por alguns anos, é possível ver Aaron Rodgers vestindo azul e laranja em um futuro próximo.

– Minnesota Vikings

De longe é o melhor entre os times citados anteriormente. Liderados por um contestado Kirk Cousins; que venceu o seu primeiro jogo de playoff somente no ano passado contra o New Orleans Saints e precisa chegar mais longe se quiser ter uma renovação, os Vikings se veem presos a um contrato muito pesado.

Se quiserem contar com Rodgers após o final do contrato de Cousins, precisarão abrir mão de algumas peças importantes para ter o camisa 12 em seu elenco.

 

 

Todos os conteúdos publicados neste site são de responsabilidade de seus autores e não necessariamente refletem as opiniões e posicionamentos da FN Network.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

NOTÍCIAS RELACIONADAS

vpn-para-esportes
Por que faz sentido usar VPN para assistir esportes?
recap-nfl-semana-8-2023
Zona Neutra Overtime: Recap Semana 8 NFL 2023
quarterback-1888142_1280
Guia do Jogo #3: Futebol Americano РPosi̵̤es de Ataque
recap-nfl-semana-7
Zona Neutra Overtime: Recap Semana 7 NFL 2023
curiosidades-do-futebol-americano
Curiosidades do futebol americano: Tradições, recordes e muita história em uma das maiores ligas do mundo
previa-semana-5-nfl
Zona Neutra Overtime: Prévia da Semana 5 2023 da NFL
prévia semana 3 nfl 2023
Zona Neutra Overtime: Prévia da Semana 4 2023 da NFL
previa-semana-3-nfl-vikings-cbs
Zona Neutra Overtime: Prévia da Semana 3 2023 da NFL
guia-do-jogo-2 regras futebol americano
Guia do Jogo #2: Futebol Americano – Regras Básicas e Pontuação