Como era de se esperar, mais uma vez o Colts caiu diante o Jacksonville Jaguars. É fascinante a maneira como o QB do time da Florida muito criticado pelos torcedores e pela mídia de um modo geral (com razão) consegue fazer jogos impecáveis contra a nossa equipe. Agora já somam 6 partidas consecutivas sem uma interceptação sequer do QB, sua característica principal na curta carreira na NFL. No ataque a produção foi pífia como esperávamos contra uma defesa forte como a do Jaguars. Com esta derrota, agora o Colts soma 9 na temporada, contabilizando sua primeira temporada com record negativo da era Pagano.

Seguindo em frente, o Colts enfrenta neste domingo a equipe do Bills em Buffalo. A equipe vem com alguns desfalques importantes para a partida, já que seu líder em sacks na temporada Shaq Lawson foi colocado na IR e não deve ter seu QB titular (Tyrod Taylor) começando a partida. O Buffalo tem uma motivação maior para a partida já que está muito vivo na briga pelos playoffs, dependendo muito do seu jogo corrido com LeSean McCoy principalmente carregando o piano para a equipe.

Apesar de McCoy ser um dos melhores RBs da NFL, o principal adversário para esta partida deve ser o frio. Em vários momentos da história, não só do esporte, vemos vários episódios em que equipes ou nações usam as variações climáticas de seu território (campo) a seu favor para criar uma vantagem sobre o inimigo e sairem vitoriosas por estarem mais adaptadas àquele tipo de situação. Assim como a Rússia usou o General Inverno várias vezes ao longo de sua história, inclusive na Segunda Guerra Mundial.

Ataque do Colts (projeção dos titulares)

QB: Jacoby Brissett

RBs: Frank Gore e Marlon Mack

WRs: TY Hilton e Chester Rogers

TE: Jack Doyle

OTs: Anthony Castonzo e Denzelle Good

OGs: Jeremy Vujnovich e Joe Haeg

C: Mike Person

Esta semana teremos novamente Person como o possível titular. Ryan Kelly que deu lugar a ele na semana passada, continua fora da equipe já que não foi liberado do protocolo de concussão. Em adição, Person acabou machucando o tornozelo na última partida e é questionável contra o Bills. Um detalhe interessante é que ele acabou sendo o melhor Center da semana na NFL segundo o PFF.

Daniels fica de fora de mais uma partida com uma lesão muscular e Moncrief o acompanha no DM com uma lesão no tornozelo. Um jogador que talvez fique de fora é Denzelle Good. Ele está doente e é questionável para a partida. Caso não jogue, devemos ver Kyle Kalis como seu substituto, com Haeg voltando à posição que jogou a maior parte da temporada, RT.

O que esperar do ataque contra o Bills

Bem mais do que contra o Jaguars. A equipe de Buffalo nos últimos anos ficou conhecida por sua defesa forte e física, este ano não tem sido bem assim. O time tem apenas 20 sacks na temporada, segunda pior marca da NFL empatada justamente com a nossa equipe, e como disse anteriormente, perdeu o seu líder em sacks. Além do pass rush, sua defesa também peca em outras áreas, como a contenção do jogo corrido. Eles são a oitava pior da NFL no quesito sofrendo 120 jardas corridas por partida.

Portanto, a principal estratégia para a partida deve ser correr com a bola. Em Buffalo hoje a sensação térmica é de -8 graus Celsius, há chance de nevar no decorrer da partida e além disso os ventos estão com uma velocidade de 26 km/h.  Logo, com o vento e a neve sendo fatores nesta partida, o jogo aéreo das duas equipes vai ficar bem prejudicado e elas devem se agarrar aos seus RBs para tentar caminhar em campo. Marlon Mack e Frank Gore vão ser extremamente importantes nessa partida para o Colts ter uma chance de vitória.

Defesa do Colts (projeção dos titulares)

DL: Al Woods, Johnathan Hankins e Margus Hunt

OLBs: Jabaal Sheard e Barkevious Mingo

ILBS: Antonio Morrison e Jon Bostic

CBs: Quincy Wilson e Kenny Moore

Ss: Darius Butler (Clayton Geathers) e Matthias Farley

Para esta e as próximas 3 partidas que fecham a temporada teremos um desfalque bem importante. OLB John Simon que foi um dos melhores da defesa esse ano não voltou da lesão 100% e rendendo bem, e acabou colocado na IR, encerrando a sua ótima temporada de estreia com a camisa do Colts. Assim como aconteceu quando Simon ficou de fora anteriormente, Mingo deve começar como titular da equipe com Basham ajudando na rotação.

Mais um que está fora da temporada é Desir, o jogador machucou o ombro na partida contra o Jaguars e não volta mais esse ano. Melvin segue fora com uma lesão na mão e Milton é dúvida para a partida com uma lesão no pescoço. Ou seja, o Colts vai pegar alguém aleatório na rua para ajudar a rotação dos CBs. Brincadeiras à parte, Quincy e Moore devem ser os titulares para esse jogo. Vai ser bom para dar tempo de jogo a Wilson, que como calouro precisa muito para seu desenvolvimento.

O que esperar da defesa contra o Bills

A equipe de Buffalo tem um ataque à moda antiga, assim como o que enfrentamos na última semana, o Jaguars. Eles são o oitavo melhor ataque terrestre da liga, impulsionado por uma boa OL e um RB muito bom, McCoy. Porém, seu ataque aéreo deixa muito a desejar, é o terceiro pior da liga com apenas 174 jardas por partida. Como falei na introdução, Tyrod Taylor não joga, portanto Nathan Peterman vai ser o titular. Peterman na única vez que foi titular esse ano, lançou 5 interceptações na primeira etapa e foi sacado no intervalo.

Como o Bills já tem um ataque terrestre muito bom e as condições climáticas não favorecem o jogo aéreo, é bem claro que eles devem lançar a bola muito pouco e se apoiar completamente no jogo corrido. Logo, a nossa defesa tem que continuar o desempenho que vem tendo esse ano limitando o jogo terrestre dos adversários. Contra 2 dos melhores da NFL em Bell e Fournette tivemos uma performance excelente, limitando-os respectivamente a 3,1 e 2,8 jardas por tentativa, marcas muito boas. Se mantivermos esse nível de atuação contra o Bills, não vai ser uma tarde fácil para o ataque do técnico Sean McDermott.

Aposta de placar para Colts x Jaguars

Colts 16×13 Bills

Informações sobre a partida

Semana 14

Jogo: Indianapolis Colts x Buffalo Bills

Data: Domingo, 10 de dezembro.

Horário: 16:00 de Brasília.

Local: New Era Field

Transmissões: NFL GamePass.