Salve, Salve Nação Steelers!

Após mais uma apresentação sofrível do Pittsburgh Steelers o clima vem ficando cada vez mais pesado. Embora tivemos coisas boas acontecendo que nos dão esperança, como a estreia de Fitzpatrick, tivemos uma estagnação em outras.

Como sempre estamos destacando, a previsibilidade do time, principalmente o ataque, vem nos custando caro. Jogadas marcadas, sem ajustes pré-snap tem feito do nosso ataque presa fácil. Esperança que algo mude com Mason Rudolph ficando mais relaxado como titular e com Randy Fichtner resolvendo soltar um pouco esse time e fazer mais uso de jogadores que se mostram bem, como Jaylen Samuels.

Para a próxima partida, no Monday Night Football, não contaremos com Roosevelt Nix, que segue fora com lesão no joelho, Anthony Chickillo (Pé) e Vince Williams (Hamstring). Jayrone Elliot está listado como questionável e Vance McDonald listado como improvável.

Com isso, vamos as cinco coisa que devemos ficar de olho na próxima partida.

  • Mason Rudolph

Rudolph fez uma estreia abaixo do que se esperava, mas fazendo justiça não foi totalmente por culpa dele. Nossa OL foi péssima, cedendo muita pressão de forma inesperada. Mike Munchak faz uma baita falta.

Espera-se que Rudolph arrisque mais e dê seu toque nas jogadas conforme se sente mais confortável no ataque e com os jogadores.

Mas para isso acontecer é necessário que…

  • Chamadas Ofensivas

É necessário que as chamadas ofensivas sejam melhores, mais diversificadas e de construção melhor. Falarei de novo: o melhor elemento para o ataque é a surpresa. Nosso ataque PRECISA ser diversificado, precisa fazer uso de diferentes conceitos e utilizar os mesmos jogadores de diversas formas diferentes.

Randy Fichtner precisa deixar o conservadorismo de lado, arriscar mais e dar mais liberdade para que Mason Rudolph faça ajustes pré-snap, abuse de motions e crie situações onde ele se sinta mais confortável.

  • Jaylen Samuels

Para criar tal diversidade e fluidez, porque não utilizar a nossa arma ofensiva mais versátil? Jaylen Samuels vem pedindo passagem nesse time já faz um tempo, tanto no jogo corrido quanto no jogo aéreo.

Os motions que Samuels nos permite fazer, bem como os diversos alinhamentos e cortes mais fluídos e velozes no jogo corrido são de grande arma para nós. Parece burrice não utilizar isso né? Pois bem, não só parece. É burrice.

Em entrevista essa semana Mason Rudolph disse que também é papel dele envolver mais o Samuels, dando mais alvos e toques para ele. Também é necessário construir o plano de jogo tendo isso em mente. O ponto principal aqui é Fichtner resolver utilizar mais nosso Running Back segundanista.

  • Nick Vannett

Durante a semana tivemos outra surpresa vinda de Kevin Colbert. Trocamos nossa escolha de Quinta rodada por Nick Vannett, Tight End do Seattle Seahawks.

Já era um jogador muito bem visto pela comissão técnica durante seu processo de draft alguns anos atrás. E com certeza chega pra ser nosso cobertor de segurança atrás de Vance McDonald, que (surpresa!) já está machucado e provavelmente não jogará a próxima partida.

Com isso Vannett torna-se imediatamente o TE titular no momento e ponto focal do ataque. Vannett contribui muito bem no jogo corrido e proteção ao passe, mas também tem ótimas mãos. Não é dos mais atléticos, mas faz um trabalho super competente. Basicamente o que tínhamos com Jesse James.

Fará sua estreia no próximo jogo, então vale ficar de olho nele e em Zach Gentry, que serão nossos dois únicos TE provavelmente nessa partida.

  • Linha Ofensiva

Como dito acima, nossa linha ofensiva vem sendo sofrível. Parece que a unidade sentiu mais do que o esperado a saída de Mike Munchak cedendo pressão atrás de pressão de forma incompreensível.

Duelos que eram ganhos com facilidade, seja no jogo corrido ou aéreo, não vem encaixando. O que dificulta ainda mais as coisas para Mason Rudolph conseguir desenvolver um bom jogo.

Nosso sucesso, seja neste jogo ou nos próximos, passa primeiramente por um bom desempenho da nossa linha ofensiva, protegendo bem o Príncipe e deixando que ele tenha calma para fazer suas leituras e lançamentos.

Previsão para a partida: Steelers 21 x 17 Bengals

Não esqueçam de nos seguir nas redes sociais para podermos debater Steelers.

Twitter: @blackyellowbr

Instagram: blackyellowbr

E também no twitter em @lopesjsantos e @gabriel_amd.

Um abraço e Here we go!

DEIXE UMA RESPOSTA