Sid Gillman
Faltam 82 dias para a 100ª temporada da NFL e hoje relembramos mais uma grande história da liga: o treinador que revolucionou o jogo aéreo da NFL! Acesse fumblenanet.com.br/nfl100 para conferir outras histórias épicas!

Por anos, o jogo aéreo foi um recurso secundário na National Football League. A ideia de um ataque era de sobrepujar fisicamente o adversário correndo com a bola, esperando que já no primeiro contato houvesse a vitória do corredor sobre o defensor. Nos anos 60, Sid Gillman se tornou o head coach do San Diego Chargers e mudou para sempre a forma com que os passes seriam vistos e utilizados na liga.

Gillman projetou um tipo de jogo aéreo diferente, no qual quarterbacks fariam primeiro a leitura dos passes profundos, antes de sequer cogitar alvos intermediários e de curta distância. O Chargers dominou os adversários com essa técnica, chegando à final da American Football League em cinco das suas primeiras seis temporadas. Gillman obteve sucesso em sua tática graças à dupla John Hadl (quarterback) e Lance Alworth (wide receiver), na que provavelmente foi a melhor combinação do início da AFL.

Para conseguir o cargo de treinador do (então) Los Angeles Chargers, Sid Gillman precisou persuadir Barron Hilton, acionista majoritário da recém-criada franquia (e administrador da cadeia de hotéis Conrad Hilton, além de avô de Paris Hilton). Na primeira temporada de existência do Chargers, Gillman precisou assumir funções de general manager para cobrir o enfermo Frank Leahy.

Sua primeira comissão técnica contava com figuras que viriam a se tornar lendas do esporte: Al Davis começou como “backfield coach” antes de ser o manda-chuva do Raiders; Chuck Noll era o assistente técnico antes de ganhar 4 Super Bowls comandando o Pittsburgh Steelers. Estima-se que a “árvore Sid Gillman” inclua 26 super bowls, com treinadores como John Madden, Tony Dungy, Bill Walsh, Mike Shanahan e Mike Tomlin.

Embora o record do Chargers sob o comando de Gillman tenha sido 87-57-6, com cinco títulos da AFL Oeste, apenas uma vez o time foi campeão, massacrando o Boston Patriots por 51-10, com um estilo de jogo marcante. Conhecido como “Feast or Famine” (“se banqueteie ou morra de fome”, numa tradução livre), o sistema usava diversos motions para confundir e anular as blitzes da defesa do Patriots. Essa estratégia de jogo permitiu ao RB Keith Lincoln avançar 206 jardas pelo chão, para dominar completamente a partida.

DEIXE UMA RESPOSTA