Extensão Imaculada
Faltam 44 dias para a 100ª temporada da NFL e hoje relembramos mais uma grande história da liga: a Extensão Imaculada de Antonio Brown! Acesse fumblenanet.com.br/nfl100 para conferir outras histórias épicas!

Se Bears-Packers é a rivalidade mais tradicional da NFL, talvez Ravens-Steelers seja a mais visceral. Com o sucesso no passado recente de ambas franquias o duelo sempre tem uma atmosfera especial. Terrell Suggs, Ed Reed e Ray Lewis de um lado. Troy Polamalu, James Harrison e “Big” Ben Roethlisberger de outro. Qualidade nunca faltou às franquias.

Como se não bastasse o confronto em si, ele ainda decidiria, na penúltima semana, a liderança da divisão e possivelmente a única vaga para os playoffs da divisão. Heinz Field lotado, terrible towels balançando a todo instante, cenário hostil para o Ravens. O time, por sua vez, não se deixou intimidar. Manteve o jogo sempre muito equilibrado. A maior vantagem, 10 pontos, quem teve foi Baltimore. Somente no meio do último quarto o Steelers conseguiu retomar a dianteira. O touchdown de Le’Veon Bell colocou 24-20 no placar.

Com um drive de quase seis minutos e a corrida agressiva de Kyle Juszczyk o Ravens voltou à liderança. 27-24. A defesa do Ravens era, como de costume, uma das melhores da temporada. Prova disso é que Big Ben já havia sido interceptado duas vezes na partida. O relógio não ajudava o time da casa. Eles contavam com só 1:18 e dois pedidos de tempo para cruzar o campo.

Faltando míseros 14 segundos para o fim o jogo o Steelers estava na linha 4 do ataque. Tomlin jogava seu xadrez. Um field goal bastava para o empate, mas para isso o relógio tinha que parar, já que gastara todos seus pedidos de tempo. O passe para Brown foi no meio do campo, sem chance para a saída pela lateral. Era tudo ou nada. O receiver faz a recepção e tem três jogadores em cima. Ele toma tackles do cornerback e do linebacker e ainda tem o safety o agarrando e empurrando para trás. Parece impossível o touchdown. Torcida, jogadores e comissão técnica apreensivos.

Com uma força sobrehumana, Antonio Brown vence a batalha com Eric Weddle e marca o touchdown. Heinz Field extasiado, vaga garantida, dever cumprido. 

DEIXE UMA RESPOSTA