Como tem sido feito nas últimas semanas, o Cristiano – a mente de draft mais afiada do RedskinsBrasil – ficou de fazer mais um mock draft após a free agency.  Para isso, usando uma idéia do excelente site OnTheClock.com.br, ele aceitou uma ajudinha do torcedor quase acéfalo, o Antonio Cruz, para escolher as picks pares, enquanto escolhia as ímpares.

Nas regras, valia tudo, inclusive trocas – que acabaram por não acontecer pelo desenvolvimento do draft.  E, para diversão de todos, o mock ficou assim:

1) Cleveland Browns – Sam Darnold , QB, USC;  

Comentário Cristiano: A contratação de Tyrod Taylor da chance dos Browns pegar o QB com maior teto do draft. E quando o GM dos Browns vai assistir o treino do cara debaixo da chuva ao lado da mãe e do pai não deixa muita dúvida.

Comentário Antonio Cruz: Browns não sendo Browns.  Será que agora vai?

2) New York Giants – Josh Rosen, QB, UCLA;

Comentário Cristiano: Depois de começar a arrumar a OL na FA, Giants pega o prospecto de QB mais pronto da classe para garantir o futuro da franquia.

Comentário Antonio Cruz: gostaria – muito – que essa não fosse a escolha dos azuis de Nova Iorque, mas qualquer outra não faz qualquer sentido.

3) New York Jets – Josh Allen, QB, Wyoming;

Comentário Cristiano: Através de uma troca polêmica, o Jets fazem uma escolha mais do que arriscada.

Comentário Antonio Cruz: sou um hater de Josh Allen.  Aliás, mais que isso: sou alguém que acha que o Allen vale, no máximo dos máximos, uma terceira rodada.  Ele ser escolhido na frente de Mayfield e Lamar Jackson, para mim, é algo ignóbil – mas vai acontecer.

4) Cleveland Browns – Derwin James, S, Florida;

Comentário Cristiano: Browns busca o jogador com maior chance de fazer diferença na defesa do péssimo DC Gregg Williams.

Comentário Antonio Cruz:  as outras opções seriam Minkah ou Barkley.  Fui de James porque o DC de Cleveland é horrível e não saberia o que fazer com alguém do talento do Fitzpatrick.  Barkley jogaria sozinho, o que é muito para alguém tão raso quanto Hue Jackson.  Sobre a troca que todos acham que os Bills vão tentar fazer: na minha mente, não conseguiriam.  A nova direção não quer saber de picks, quer saber de vitórias.

5) Denver Broncos – Baker Mayfield, QB, Oklahoma; 

Comentário Cristiano: Broncos aproveita a chance e pega o QB mais “Clutch” da classe pro seu futuro.

Comentário Antonio Cruz:  apesar de eu achar que o Keenum deve ser o QB dos sonhos do Elway, pelo tanto de dinheiro garantido, não há muito o que falar sobre essa escolha.  Tentei uma troca dos Bills com o Cristiano (21st + 12th + 1st 2019 + 2nd 2018 + 2nd 2019) e ele não quis saber.

6) Indianapolis Colts – Bradley Chubb, EDGE, NC State;

Comentário Cristiano: Numa troca genial, mesmo caindo para a sexta posição, o Colts termina com o jogador que pegaria na terceira.

Comentário Antonio Cruz: com Mayfield fora, não quis pensar numa troca dos Bills aqui.  Cardinals têm um QB veterano, que é algo que eles têm muito tesão, e seria o time a tentar passar na frente dos Williams, mas o draft não se desenhou como se isso fosse necessário.

 7) Tampa Bay Buccaneers – Saquon Barkley, RB, Penn State;

Comentário Cristiano: Depois de vários anos de irregularidade com Doug Martin, os Bucs vão ter um novo motor pro seu ataque.

Comentário Antonio Cruz:  graças a Deus os Bucs não estão na NFC East.  Mas… nós iremos enfrentar eles esse ano.  Como diria meu avô: cambia cazzo cullo nostro.

8) Chicago Bears – Quenton Nelson, G, Notre Dame;

Comentário Cristiano: A posição faz o melhor prospecto do Draft cair até a 8ª. Escolha. Sorte de Chicago!

Comentário Antonio Cruz:  Josh Sitton foi embora e houve um upgrade na posição de Guard. Bears devem ser olhados de perto este ano, porque agora Mitch Trubisky, que evoluiu muito mais rápido que o esperado, tem alvos e tempo de pocket.

9) San Francisco 49ers – Minkah Fitzpatrick, DB, Alabama;

Comentário Cristiano: Encaixe perfeito no esquema do Kyle Shanahan

Comentário Antonio Cruz:  impressionantemente, Minkah caiu até aqui. Infelizmente, caiu ainda em um time da NFC.

10) Oakland Raiders – Roquan Smith, ILB, Georgia;

Comentário Cristiano: Finalmente Khalil Mack ganha alguma ajuda nessa defesa.

Comentário Antonio Cruz: pick que faz muito sentido, necessidade mais BPA – ou quase isso.

11) Miami Dophins – Vita Vea, DT, Washington;

Comentário Cristiano: Dolphins vão buscar repor a perda do Ndamukong Suh imediatamente.

Comentário Antonio Cruz: graças a Deus Vita Vea saiu do board antes da pick dos Redskins!

12) Buffalo Bills – Lamar Jackson, QB, Louisville;

Comentário Cristiano: Bills apostam seu futuro no jogador mais subestimado desse draft

Comentário Antonio Cruz: depois de tentar trocas e não conseguir, na minha opinião conseguem uma gema, um emulador de DeShaun Watson que tem um teto maior que o original

13) Washington Redskins – Da’Ron Payne, DT, Alabama;

Comentário Cristiano: De longe o pior setor do time é a defesa contra o jogo corrido. Além de saber fazer NT, ao lado de Jonathan Allen podem formar a melhor dupla da NFL.

Da’Ron Payne, defensive tackle de Alabama Crimson Tide

Comentário Antonio Cruz: Sem Jonathan Hankins, não há que se pensar.  Melhor encaixe de DL do draft para a defesa dos Redskins, que verão a volta de Jonathan Allen.  Tremei, adversários da NFC East!

14) Green Bay Packers – Denzel Ward, CB, Ohio State;

Comentário Cristiano: Se o melhor CB desse Draft chega na 14ª. Escolha, não da pra deixar passar

Comentário Antonio Cruz: Talvez a pick mais fácil deste mock.  O best player available casou com a maior necessidade do time.  Steal na 14ª, os Packers vêm fortes este ano.

15) Arizona Cardinals – Mike McGlinchey, OT, Notre Dame;

Comentário Cristiano: Cardinals contratou Sam Bradford conhecido pelo histórico de lesões e trocou quase toda OL (que já não era grande coisa)

Comentário Antonio Cruz:  Com Sam Bradford, o QB veterano da vez que Arizona ama, só dá para se pensar em proteção, proteção e proteção.

16) Baltimore Ravens – Calvin Ridley, WR, Alabama;

Comentário Cristiano: Flacco já não é dos QB mais regulares ou confiáveis. E não da pra confiar apenas em Michael Crabtree como recebedor

Comentário Antonio Cruz: Michael Crabtree está mais tree do que crab.  Sim, foi péssima, mas não é um WR totalmente confiável mais.

17) San Diego Chargers – Taven Bryan, DT, Florida;

Comentário Cristiano: Não da pra reclamar de um pequeno Reach quando você tem a segunda pior defesa contra o jogo corrido da NFL

Comentário Antonio Cruz: Mesmo com o próximo da lista ainda no board, a escolha tem a cara dos Chargers, pelo medo adquirido com anos de escolhas que se lesionam.

18) Seattle Seahawks – Maurice Hurst, DT, Michigan;

Comentário Cristiano: Seahawks vai atrás de tentar compensar a perda do Sheldon Richardson

Comentário Antonio Cruz: Declarado saudável pelos médicos, ele é, para mim, o segundo DT do meu board.  “Sheldon Richardson quem?”, perguntarão os torcedores dos Seahawks ao final do ano de 2018.

19) Dallas Cowboys – Harold Landry, EDGE, Boston College;

Comentário Cristiano: Cowboys precisa melhorar o pass rush.

Comentário Antonio Cruz: mais uma escolha que não gostei.  Jogador muito bom para um rival de divisão.  Droga.

20) Detroit Lions – Marcus Davenport, EDGE, UTSA;

Comentário Cristiano: Lions comete um pequeno Reach pra tentar suprir a maior necessidade da defesa

Comentário Antonio Cruz: escolha com a cara dos Lions.  Apesar de Arden Key ainda no board, Davenport talvez tenha mais upside.  E dá-lhe reach.

21) Cincinnati Bengals – Isayah Wynn, OG, Georgia;

Comentário Cristiano: Bengals cai no Draft e ainda consegue um excelente nome pra OL.

Comentário Antonio Cruz: Bengals fez o que eu queria para os Redskins, que é dar trade down e a seleção de um guard.

22) Buffalo Bills – Frank Ragnow, C/G, Arkansas;

Comentário Cristiano: Bills perdeu nomes da OL nessa offseason e precisa começar a repor

Comentário Antonio Cruz: Selecionado o QB do futuro, a proteção precisa vir de algum lugar.  Frank é uma excelente peça para isso, começando a reconstrução da linha pelo seu interior.

23) New England Patriots – Josh Jackson, CB, Iowa;

Comentário Cristiano: Superbowl mostrou como CB precisa ser uma prioridade pro time do Tom Brady

Comentário Antonio Cruz: Joshua Jackson é, nada mais, nada menos, que um Darrelle Revis novo – estrelinha, não se esforça em tackles, mas muito bom na defesa do jogo aéreo.  Coitados dos adversários da AFC East.

24) Carolina Panthers – Derrius Guice, RB, LSU;

Comentário Cristiano: Panthers repõe a perda de Jonathan Stewart

Comentário Antonio Cruz: Panthers, além de substituir Jonathan Stewart, adicionam um beast mode complementar a Cam Newton.

25) Tennessee Titans – Arden Key, EDGE, LSU;

Comentário Cristiano: O Jogo contra os Patriots deixou claro como os Titans também precisam melhorar o pass rush.

Comentário Antonio Cruz: excelente escolha para um time ainda não excelente – mas que deve evoluir no ataque com o novo HC.

26) Atlanta Falcons – Leighton Vander Esch, LB, Boise State;

Comentário Cristiano: Falcons precisa arrumar melhor o segundo nível da defesa

Comentário Antonio Cruz: não sei como o “Van Der Esch” caiu até aqui.  Falcons se dão muito, muito bem no draft, sanando necessidade com um potencial novo Luke Kuechly.

27) New Orleans Saints – Mark Andrews, TE, Oklahoma;

Comentário Cristiano: Josh Hill saiu do banco pra fazer um trabalho decente mas não está à altura do resto do ataque.

Comentário Antonio Cruz: escolha interessante, mas TE não tem muito impacto, normalmente, no primeiro ano.  Entretanto, há o fator Drew Brees, que não deve ser subestimado.

28) Pittsburgh Steelers – Rashaan Evans, LB, Alabama;

Comentário Cristiano: Shazier não volta mais, infelizmente.

Comentário Antonio Cruz: sem Shazier, o pequeno reach é extremamente necessário.

29) Jacksonville Jaguars – Courtland Sutton, WR, SMU;

Comentário Cristiano: Com a perda de Allen Robinson e Allen Hurns, o Jaguars precisa compensar com mais alvos.

Comentário Antonio Cruz: nada a acrescer, Cristiano!

30) Minnesota Vikings – Billy Price O/G, Ohio State;

Comentário Cristiano: Jogo contra os Eagles mostrou que embora a OL tenha evoluído bastante nesse ano, ainda precisa de mais carinho.

Comentário Antonio Cruz: um bom guard é extremamente necessário em Minnesota.  Infelizmente, é para o capetinha que criamos em Washington poder brilhar.

31) New England Patriots – Mason Rudolph, QB, Oklahoma State;

Comentário Cristiano: Patriots acertam na escolha do substituto de Tom Brady sem maiores sacrifícios

Comentário Antonio Cruz: Mason Rudolph é o próximo Jimmy Garapollo, seja como prospecto de elite, seja como banco do Tom Brady…  Esse menino em New England pode ser grande…

32) Philadelphia Eagles – Donte Jackson, CB, LSU;

Comentário Cristiano: Um time com poucas needs pode se dar ao luxo de cometer um pequeno Reach pra buscar num jogador que precisa desenvolver mas tem muito potencial.

Comentário Antonio Cruz: mais uma escolha que não gostei de ter sido feita.  Donte Jackson tem muito potencial para ir para um rival da NFC East.

É isto, esperamos que tenham gostado! Concorda, discorda? Comente!

Acompanhe nosso portal, em breve mais mocks e atualizações do mercado aqui no Redskins Brasil!

#HTTR

#EuSouRedskins

texto por Cristiano Ludvig e Antonio Cruz
revisão por Diogo Miranda

DEIXE UMA RESPOSTA