O jornalista Jeff Passan, da ESPN americana, publicou nesta quarta-feira (6) que a MLB vai apresentar na próxima semana uma proposta de início da temporada da liga para a Associação dos Atletas.

Segundo as fontes, a Major League Baseball vai propor que o período de treinos se inicie em meados de junho; com isso, a liga se iniciaria no mês de julho. Vale lembrar que a temporada estava prevista para ter seu início no final de março; mas precisou ser adiada por conta do avanço do coronavírus no mundo.

Além disso, existem conversas dentro de algumas equipes para que os jogadores já se preparem para retornar às atividades no próximo mês. Por outro lado, outros times preferem se manter distantes e aguardar informações oficiais. A MLB, nas últimas semanas, tem procurado diversas alternativas para que a temporada, enfim, se inicie, mas nenhuma delas de fato foi definida.

Entretanto, a intenção é que se defina de três a cinco cidades para serem as sedes, sem que os atletas precisem ficar se deslocando demais. A preocupação logística com o retorno da temporada, no entanto, não é o principal ponto da discussão.

Preocupação por parte dos jogadores

Diante de todos os fatos, muitos jogadores se preocupam com sua saúde e as de suas famílias, caso tenham que retornar às atividades. Por isso, as conversas sobre o corte ou não de salários já não é algo grandioso perto do cuidado que a liga terá que ter em relação as decisões sobre o bem estar dos envolvidos.

Collin McHugh, do Red Sox, foi um dos atletas que se pronunciou sobre essa situação, em entrevista ao MassLive.com:

“Eu sou marido. Sou pai. Existem caras na liga com condições pré-existentes. Diabetes, pressão alta. Também há as pessoas da equipe técnica, muitos com mais de 60 anos”, ele disse. “Estamos em uma situação em que você não pode tornar as decisões obrigatórias. Você não pode dizer a um cara que ele tem que ir jogar e, caso ele não vá, o lugar dele na equipe não estará mais ali”. Disse McHugh

Sobre isso, a MLB e as equipes ainda não tem definição sobre o que pode acontecer caso um jogador se recuse a jogar sob essas condições. O que se sabe é que a reunião da próxima semana será a primeira de uma série de tentativas de aproximação entre MLB e Associação dos Atletas. Assim, a decisão final ainda pode estar longe de acontecer.

DEIXE UMA RESPOSTA