O Detroit Red Wings, famoso por ter a maior sequência de participação em pós-temporadas, é hoje uma franquia que está passando por uma nova reconstrução.

Após trabalhar na front office do Tampa Bay Lightning, tendo chegado à três finais de conferência e uma final da Stanley Cup, o mais novo GM da equipe, histórico capitão por 20 anos da franquia de Detroit, Steve Yzerman, foi contratado em abril de 2019 para acabar com os problemas da equipe.

Nenhum torcedor esperava que Yzerman fizesse milagre em sua primeira temporada na equipe, porém, muitos fanáticos da Hockeytown tem muita esperança no que o tricampeão com a camisa vermelha pode fazer. Entretanto, houve uma queda significativa no número de torcedores indo ao Little Caesars Arena.

De acordo com Yzerman, a forma de atrair novamente os torcedores é trazendo jovens talentos. “Estamos em um momento do hóquei, onde é difícil obter novos talentos. Estamos todos tentando a mesma coisa. Em alguns casos, você tem a sorte de ter feito a escolha certa.”

O fim da janela de trocas é dia 24 de fevereiro, e apesar da equipe não ter jogadores estrelas para alavancar a equipe, é previsto que libere espaço financeiro para a próxima geração de jogadores, visto que a equipe tem 8 escolhas no próximo draft.

“Você precisa ter muitas escolhas do draft, é preciso acelerar o processo de reconstrução… Eu não posso dizer que são dois, três, cinco anos. Nós não sabemos o que estamos escolhendo e recebendo. No esporte, tudo é imprevisível.” disse Yzerman sobre escolher um jovem talento.

A equipe do Red Wings ainda está em seu estágio inicial de reconstrução; mas pode ser acelerado com escolhas boas do Yzerman e do técnico Jeff Blashill, portanto podendo voltar a ter anos de glória.

DEIXE UMA RESPOSTA