Salve, salve galera do Fumble na Net! Temos outra grande semana de bye com Bills, Browns, Dolphins, Patriots, Jets e 49ers descansando na rodada.

Estamos chegando na reta final de temporada e na maioria das ligas restam 3 ou 4 jogos! Espero que sua briga seja para alcançar os playoffs e para isso seu time não pode perder o ritmo de vitórias. Vamos para mais uma semana de dicas de Waivers!

Quarteback

Lamar Jackson, Ravens

Joe Flacco está lidando com uma lesão no quadril e pode perder algum tempo. Não foi declarado oficialmente que Flacco está fora, mas Jackson tem a maior vantagem de qualquer reserva na liga do ponto de vista de fantasy.

Os Ravens já correm várias jogadas a cada jogo utilizando Jackson, e a única questão que fica no ar é se ele pode ler as defesas de forma consistente e ter sucesso no jogo aéreo (preocupação básica que se tem com calouros). Sua dupla ameaça (lançando ou correndo) torna Jackson uma opção interessante, e, mesmo que Flacco não perca tempo com a lesão, há uma chance dos Ravens (4-5) se voltarem para Jackson no momento que saírem da corrida aos playoffs.

Eli Manning, Giants

Esta é apenas uma opção para aqueles que precisam de um quarterback de streaming por conta da semana de bye.  Como os Buccaneers continuam a ser uma defesa ruim, cedendo 292 jardas por partida e 23 touchdowns aéreos, o matchup é favorável para Eli, que tem um dos melhores trios de recebedores da liga com Odell Beckham, Sterling Sheppard e Evan Engram, sem mencionar Saquon Barkley no backfield.

Running Backs

Rashaad Penny, Seahawks

Com Chris Carson fora do jogo no domingo, Penny recebeu mais oportunidades, correndo 12 vezes para 108 jardas e 1 TD. A pontuação veio em uma excelente corrida de 38 jardas, e Penny conseguiu mais corridas do que Mike Davis, sugerindo que ele pelo menos se igualou no depth chart.

O problema é que Chris Carson esteve perto de jogar no domingo e tem muita chance de estar de volta na quinta-feira contra o Green Bay. Foi bom ouvir Pete Carroll soltar seus elogios depois do jogo. Penny, por conta do peso de sua escolha no draft e produzindo bem deve ter uma carga de trabalho semelhante a desta semana (10-12 oportunidades), mesmo quando Carson retornar.

Theo Riddick, Lions

Como Jalen Richard, Riddick tornou-se um o alvo favorito entre os RBs, tendo 15 alvos nas últimas duas semanas. Durante esse período, apenas seis RBs tiveram uma carga de trabalho maior. Ele pode ter ainda mais valor se a lesão do joelho de Marvin Jones e a do tornozelo de Kerryon Johnson lhes custarem tempo de jogo.

Josh Adams, Eagles (Alerta de Hail Mary !!!)

Adams talvez seja o jogador mais valioso do backfield Eagles nesse momento, mas ainda não se sabe se isso será algo notável para nossos bancos ou escalações.

Ainda assim, se você for pegar um RB dos Eagles, Adams é a melhor escolha, pois ele mostrou qualidade em um número de snaps limitado e seu papel deve crescer daqui em diante.

Wide Receivers

Josh Reynolds, Rams

Os Rams sofreram um duro golpe no domingo, perdendo Cooper Kupp com uma ruptura no ligamento cruzado anterior (ACL). Reynolds entra em cena como o terceiro wide receiver de Sean McVay, o que é uma posição mais amigável para o fantasy do que ser um recebedor número 2 na maioria das outras equipes.

Os Rams quase sempre executam sets de três recebedores, e Reynolds vai sofrer uma cobertura relativamente fraca, dadas as outras armas ofensivas do time. Quando Kupp perdeu as semanas 7 e 8, Reynolds jogou 91% dos snaps, teve 6 alvos (3 na endzone), anotando 4 recepções para 61 jardas e 2 TDs. Esta semana ele será pelo menos uma opção de FLEX na maioria das ligas, com o confronto contra o Kansas City onde se espera um tiroteio.

Anthony Miller, Bears

Miller deu mais um passo em direção à consistência na vitória sobre o Lions, e parece ter passado à frente de Taylor Gabriel na hierarquia dos alvos. O recebedor deve continuar apostando em suas big plays para ter valor nos times de fantasy, além de permanecer se desenvolvendo e ganhando a confiança dos treinadores a cada semana. Deve ser considerado como WR3/FLEX daqui para frente.

Marquez Valdes-Scantling, Packers

Sua sequência de jogos com pontuação de dois dígitos agora é de cinco. Geronimo Allison está fora indefinidamente e Randall Cobb perdeu a semana 10 e perderá a semana 11.

Nos últimos cinco jogos, Valdes-Scantling tem sido o melhor WR, fora Davante Adams, em Green Bay. Ele continua disponível em diversas ligas (35% disponível em média na ESPN/Yahoo). Considerando que Aaron Rodgers é o QB, o jogo corrido se ajustou, Marquez Valdes-Scantling é a melhor escolha se ainda estiver disponível.

Tight Ends

Gerald Everett e Tyler Higbee, Rams

Everett marcou na semana 10 e pode ser escalado contra os Chiefs, em jogo de pontuação potencialmente alta. Ele se encaixa no papel de Cooper Kupp, bem como Josh Reynolds.

Higbee também marcou no domingo passado e teve sua melhor performance na temporada. Também pode ser escalado nessa semana como streamer na ausência de Cooper Kupp nesse possível tiroteio, já mencionado, contra os Chiefs. Pela posição no draft (2ª rodada) e pelo número de snaps Everett é o favorito.

Ricky Seals-Jones, Cardinals

Seals-Jones teve seu segundo jogo do ano com 5 recepções contra o Chiefs e viu apenas um alvo a menos que Larry Fitzgerald, sendo o segundo mais acionado do time. O jogador de 23 anos é uma ótima opção de streaming para a semana 11 enfrentando a defesa fraca dos Raiders.

James O’Shaughnessy, Jaguars

O’Shaughnessy teve 5 recepções para 46 jardas, acumulando 16 alvos em seus últimos três jogos. Ele parece ser um candidato perfeito para Blake Bortles mirar  em um play-action perto da goal line agora que Leonard Fournette está de volta.

Os Steelers cederam o quarto maior número de pontos de fantasy para os tight ends nesta temporada, fazendo com que o O’Shaughnessy seja um bom alvo nos waivers desta semana.

DEIXE UMA RESPOSTA