Nas últimas duas semanas acompanhamos um preview com as dez melhores equipes do campeonato universitário, além de outras que podem pintar como surpresa.

Agora, vamos mudar o foco. Faremos neste momento, um top 10 dos melhores jogadores do College. Fiquem atentos nestes caras, pois ano que vem seu time tem a possibilidade de selecioná-los no Draft.

Espero que curtam, e continuem nos seguindo. A temporada universitária está pintando na área, portanto, venham conosco!

1 – Deshaun Watson, QB, Clemson

Já pensou ouvir da boca de um dos treinadores mais lendários da história do College Football, que você é o melhor quarterback desde de Cam Newton. Como você se sentiria?

A possível primeira pick do Draft de 2017, se sentiu muito bem. Watson tem o melhor braço do universitário para bolas de média e longa distância. Além disso, possui uma boa saída do pocket com os pés, e também uma frieza incrível que o ajuda a tomar boas decisões. O melhor jogador desta classe é espetacular. Desde de 2012, é o quarterback mais talentoso que o Draft terá. Deshaun Watson já disputou duas temporadas no College e seus números são muito bons. Em 23 jogos foram 5575 jardas, 49 touchdowns, 67,8% de passes certos e 15 interceptações. Com os pés possui 270 corridas para 1305 jardas e 17 touchdowns.

2Christian McCaffrey, RB, Stanford

A grande qualidade deste prospecto é a versatilidade. McCarrey possui a capacidade de ser um ótimo RB, WR e retornador. Salvou o QB Kevin Hogan em diversos momentos, pois era aquele passe de segurança e responsável por dividir a liderança do ataque. Este ano Hogan saiu para NFL, portanto, será o grande nome deste time. O “verdadeiro” campeão no Heisman em 2015, teve uma temporada excepcional, onde correu para incríveis 2019 jardas. Nos dois anos com a universidade do oeste da Califórnia realizou 26 jogos, 279 corridas para 2319 jardas e 8 touchdowns. Já como recebedor possui 62 recepções, 896 jardas e 7 touchdowns. Além destes bons números no ataque, possui excelentes como retornador de punts e kickoffs. A versatilidade é tão grande, que até de QB já jogou. Na temporada passada lançou para 2 touchdowns em 39 jardas, portanto, é um jogador completo e pode ajudar a equipe de diversas maneiras.

3Myles Garrett, DE, Texas A&M

O melhor pass rusher da classe. Garrett alia força, velocidade e agressividade. Um monstro na pressão ao pocket e no trabalho contra corridas. Fiquei extremamente impressionado com seu desempenho na DL do Aggies. Outra coisa que me chamou muita atenção, é sua capacidade de realizar tackles precisos e sólidos. Ele possui uma firmeza, e termina a jogada não proporcionando o avanço do time adversário. Este jogador me deslumbrou muito em um sistema defensivo que teve tantos problemas ao longo dos anos. Em suas duas temporadas no Texas jogou 24 partidas e fez 108 tackles, 22.5 sacks, 1 interceptação, 3 passes defletidos e 5 fumbles forçados.

4Leonard Fournette, RB, LSU

2016 está marcado por ter uma classe tão promissora de running backs, e Leonard Fornette é o que puxa esta fila. Não é o mais forte, mais possui uma velocidade absurda, uma combinação que o proporciona uma qualidade absurda para driblar e se livrar dos defensores. Teve uma boa temporada como freshman, mas sua temporada como sophomore foi inexplicável. Mesmo com a queda de LSU diante da dura sequência contra Alabama, Texas e Ole Miss, não tiraram o brilho deste jogador sensacional. Ele entra em sua temporada de junior, com 25 jogos, 2987 jardas e 32 touchdowns. Tenho muitas expectativas para Fournette e tenho certeza que atingirá as 2000 jardas esta temporada.

5Derek Barnett, DE, Tennessee

Sem dúvidas coloco Derek Barnett como a grande estrela do Volunteers e o segundo melhor jogador defensivo deste ano. Tem velocidade e explosão que o transformam em um triturador de quarterbacks. É extremamente difícil contê-lo nos duelos das trincheiras. Além de ser efetivo contra o passe, possui um consistente combate ao jogo corrido. Sua maior dificuldade, é a leitura de jogadas. Em suas duas primeiras temporadas, ele conseguiu bons números: 26 partidas, 142 tackles, 19 sacks, 2 fumbles recuperados e 1 fumble forçado.

6 – Baker Mayfield, QB, Oklahoma

O segundo melhor quarterback do College este ano, chegou em 2015 em Oklahoma, após disputar a temporada de 2013 em Texas Tech. Mostrou-se um jogador seguro, com um braço forte para lançamentos longos e possui um uso consciente das pernas, alcançando avanços importantes. Tem um bom aproveitamento em seus lançamentos (66,3%) e para mim, ano que vem será escolhido na 1ª rodada do draft. Ele disputou no College as temporadas de 2013 e 2015, onde esteve em 21 jogos, 6015 jardas, 48 touchdowns e 16 intercepções.

7 – Desmond King, CB, Iowa

Desmond King foi um dos destaques do surpreendente time de Iowa na temporada passada. Desbancou Jeremy Cash e Vernon Hargreaves, e foi o vencedor do Jim Thorpe Award, prêmio dado ao melhor defensive back da temporada. É um cornerback veloz, que sabe jogar em cobertura e no homem a homem. Também realiza com muita qualidade o trabalho de suporte à corridas e tem uma boa técnica de tackles. Em três anos pelos Hawkeyes, esteve em campo em 40 partidas, onde realizou 205 Tackles, 11 Interceptações, sendo 1 retornada para touchdown, 26 passes defendidos e 2 fumbles recuperados.

8 – Jabrill Peppers, S/LB/CB, Michigan

Há alguns anos os sistemas de defesas da NFL, demandam por jogadores versáteis. E um nome que supriu esta necessidade foi Tyrann Mathieu, do Cardinals. Ele possui uma capacidade incrível de preencher os espaços em profundidade, suportar prontamente as corridas e realizar a cobertura em outros setores defensivos, como marcar slot receivers e tight ends. Neste ano, quem supre esta demanda é Jabrill Peppers. O defensor realiza todas as funções pertinentes a defensive backs e pode compor o front-seven. Não possui o talento de Mathieu, mas tem potencial para entrar no seleto grupo de jogadores com esta característica. Com duas temporadas pela universidade de Ann Arbor, esteve presente em 15 partidas, atingindo a marca de 53 tackles e 10 passes defendidos.

9 – Dalvin Cook, RB, Florida St.

Esta é uma classe que posso indicar pelo menos uns dez jogadores para a posição de RB que possuem um talento extraordinário, mas ao lado de Fournette e McCarrey, é o jogador que atingiu um destaque e um protagonismo extraordinário. Possui uma capacidade incrível de fugir dos tackles, mas sofreu com lesões na temporada passada, que o impediram de conseguir marcas melhores. É a maior esperança do ataque de Florida State, que sofre com a insegurança na posição de QB. Cook disputará sua temporada como junior em 2016, e nos últimos anos conseguiu 2699 jardas em 399 corridas e 27 touchdowns.

10 – Raekwon McMillan, ILB, Ohio State

Em diversos rankings o colocaram e uma posição incompreensível, muito baixa, perto do potencial e da consolidação de Raekwon McMillan no miolo da defesa de Ohio State. Ele é um líder nato e possui um rendimento maravilhoso no combate as corridas. Cara, ele tem uma leitura de jogadas incrível, que é aliada a uma velocidade e bom posicionamento. Estes adjetivos o colocam como um dos melhores jogadores de defesa, sendo um dos três melhores jogadores contra corridas. Por Ohio State já são duas temporadas com 26 partidas, 173 tackles, 4 sacks, 1 intercepção, 5 passes defendidos e 1 fumble recuperado.