Começamos com a bola e no primeiro drive alguns erros já começaram a assustar a torcida dos Redskins. Primeira jogada de corrida, seguido de um offside de Seattle. Mais uma corrida com Rob Kelley e a primeira surpresa boa da tarde, recepção de Brian Quick para first down. Mas aí veio um passe forçado do Cousins e quase a interceptação, logo após tivemos que devolver a bola e o punt quase foi bloqueado. A defesa entra em campo e começa seu sólido jogo. O plano defensivo feito por Greg Manusky mostrava que iria incomodar bastante Russel Wilson. Belas jogadas da linha defensiva que forçaram uma falta de holding da OL adversária e na terceira descida veio a blitz. 3 and out de Seattle, defesa começou com todo o gás. No segundo drive, veio mais um erro e dessa vez um turnover. Após uma corrida e uma recepção do Vernon Davis, um handoff mal executado e fumble recuperado pelo Seattle Seahawks. Mais uma vez a sina dos running backs soltando a carne.

Veio o Seattle tentando pontuar através do turnover, porém mais uma vez a defesa mostrou que não estava para brincadeira e forçou mais um 3 and out.

Após um bom punt executado pelos Seahawks, começamos o terceiro drive na linha de 6 jardas do campo de defesa. De costas para a parede, a equipe dos Redskins não conseguiu segurar a late blitz feita pelo LB Bobby Wagner e Cousins foi sacado dentro da própria endzone. Safety, Seattle 2-0 e com a posse da bola. Um começo com vários erros e que já deixou a torcida sem confiança de uma vitória fora de casa. No terceiro drive de Seattle, uma corrida do Lacy, uma recepção de 20 jardas e mais uma corrida de 3 jardas foi tudo que a equipe da casa conseguiu. Josh Norman com um passe bloqueado e o pass rush ajudaram a parar a campanha dos Seahawks e tentar o FG.Blair Walsh para a bola e… Errooooooooooooou! Isso ainda iria repercutir mais adiante.

O fraco início dos Redskins permanecia, pois em sua quarta campanha não conseguimos nada, 3 and out.

Seattle com a posse da bola e então veio a jogada que começaria a mudar o rumo da partida. Russel Wilson recebe o snap, observa a rota do recebedor pelo meio ee.…Innnnnnnnnterceptado! Kendall Fuller com sua terceira pick da temporada, que evolução do segundo anista!

Veio nosso quinto drive e a oportunidade de pontuar depois do turnover e o fim do primeiro quarto de jogo. Após uma corrida com o Rob Kelley, mais um punt. Cinco drives e apenas 16 jardas conquistadas no jogo, até aqui era uma partida péssima do ataque.

No quinto drive de Seattle, os juízes trabalharam bastante. Primeiro com uma falta de interferência de passe do Bashaud Breeland, que na minha opinião, não foi falta.
Em seguida, falta do Norman, unnecessary roughness, mais 15 jardas para Seattle que iam avançando em campo. Após uma quase interceptação do Breeland, duas faltas dos Seahawks complicaram o drive. PI ofensivo e holding, deixaram o time na posição de tentar um FG de 39 jardas.
Blair Walsh na bola ee…. ERRROOOOOOOOU DE NOVO! Com esse presente dado pelo adversário, o ataque resolveu acordar. Passe para o Davis, first down. Davis mais uma vez, first down. Passe para Josh Doctson, first down. 3 para 4, passe para Terelle Pryor, first down! Em seguida pass interference do Richard Sherman em cima do Pryor, estamos na beira da endzone!
 Primeira para o gol, Robert Kelley para 1 jarda. Segunda para gol, Rob Kelley e TOOOOUCHDOOOWN Redskins!!!!
Após um delay of game, Nick Rose coloca lá dentro e viramos no placar. Redskins 7-2.
No drive seguinte de Seattle, forçamos mais um 3 and out. Recebemos a bola com 1:25 para o fim do primeiro tempo e com 2 tempos para pedir. Era a hora de marchar e chutar um FG, porém após um sack cedido pelo TJ Clemmings, tivemos que devolver a bola.
Seattle teria mais um chance para pontuar e começou bem. False start do Jimmy Graham, volta 5 jardas. Após uma boa jogada do safety DJ Swearinger, Seattle conseguiu a conexão com Doug Baldwin, graças a um holding não marcado em Anthony Lanier. O pass rush continuava causando pressão no pocket adversário, mas o QB Russel Wilson tentava de tudo e resolvia com as pernas. Faltando 0:16, um passe para a linha de 31 e a chance de marcar 3 pontos chutando um FG de 49 jardas. Blair Walsh se prepara, vai pra bola eee……… EEE-RRR-RRR-OOO-UUUUUU!!!!!!!!!

Fim de primeiro tempo no Century Link Field.

Começa o segundo tempo e a defesa dos Redskins continua em chamas, mais um 3 and out forçado pelo safety Deangelo Hall, que voltava ao time depois de bastante tempo fora.

Primeiro drive do segundo tempo, o oitavo no jogo, e começamos com uma boa recepção do Pryor. Em seguida, recepção de Ryan Grant e mais 15 jardas por uma falta pessoal cometida pelo DT Jarran Reed. Após algumas jogadas ruins de corrida, um screen pass que não funcionou muito bem. Tentativa de FG, Nick Rose coloca lá dentro e amplia a vantagem dos Reskins para 10-2.

Seattle com a bola e a defesa continua bem. Após um vacilo do Will Compton, Graham recebeu para first down. Rawls com duas boas jogadas e mais um first down. Mas o Compton queria compensar o erro, e num belo blitz e pressão do Zach Brown, Russel Wilson mandou um passe forçado pelo meio e a bola vai nas mãos de quem? WILL COMPTON! Redskins com a bola! Próximo drive nosso foi muito breve. Passe incompleto, Kelley para 2 jardas e mais um passe incompleto, numa chamada ruim. Punt.

O drive seguinte do adversário começou com um passe defendido pelo Swearinger. Após isso, Seattle conseguiu 3 first downs com passes e corrida de Russel Wilson. Após um false start, Will Compton quase conseguiu mais uma interceptação em duas jogadas consecutivas, forçando mais um punt dos Seahawks. Aí veio a jogada mais estranha e engraçada da partida. Após um snap mal executado pelo rookie Chase Roullier, Kirk Cousins recupera a bola e, prestes a receber o sack, entrega a bola para Rob Kelley, como quem diz: Se ferra você! Após mais uma jogada, fim do terceiro quarto. Mais um passe incompleto e o sexto punt dos Redskins no jogo. A torcida já começa a se preocupar com o fim do jogo. Neste drive, a preocupação da torcida se confirmou. Após mais algumas corridas de Wilson, mais um recepção de Graham para first down. Em seguida, mais uma jogada de corrida e os Seahawks se aproximando da endzone. Passe para mais um tight end, Luke Wilson, que corre para a endzone e touchdown. Seattle vai para a conversão de dois pontos e a defesa mostra sua força novamente. DJ Swearinger intercepta o passe e corre para tentar o mini TD, faz um passe lateral para Norman, recebe de volta e é tackleado. Quase uma jogada épica. 10-8 Redksins, a tensão aumenta. Próxima posse de bola nossa e a pressão em Cousins é grande. Após 2 sacks cedidos, o time vai para mais um punt. A defesa continua com seu jogo sólido e consegue forçar mais um 3 and out numa terceira para apenas uma jarda. Ótimo esforço nesta altura do jogo. Vem o ataque mais uma vez e a esperança da torcida para que o time consiga resolver o jogo a nosso favor. 7:40 para o fim do jogo e recepção de Doctson para first down. Após uma falta inoportuna de holding do Davis, conseguimos um importante first down com Grant. Vamos que dá. Mas após uma grande jogada do time numa segunda para 12 jardas, uma falta estúpida do G Tyler Catalina praticamente matou a campanha. Após mais um sack, a preocupação se transforma em desânimo, já que Seattle iria receber a bola com 2:22 e precisando de de apenas um FG para ganhar o jogo. Após uma jogada, two minute warning. Jimi Graham consegue mais um first down e a coisa complica. Wilson corre para first down, 1:46 ainda restando e Seattle avançando.

Daí veio uma jogada que deixou todos desolados. Após um erro na secundária, Wilson acha Doug Baldwin livre na direita para correr para o touchdown. Seattle 14-10. Não é possível, mais um jogo entregue no final? Seattle tenta a conversão e a defesa consegue segurar. 1:34, dois tempos e a última esperança de tentar algo na temporada. E aí, de repente, algo aconteceu. Kirk lança um passe profundo para a direita, Briiiiiian Quiiiiiiick com a recepção!!! Redskins respirando no jogo! Mais um snap, Kirk lança uma bomba para o lado esquerdo eeeeeeee..? RECEPÇÃO DE 38 JARDAS DO JOSH DOCTSON!!!! Redksins na linha de 1 jarda para o gol!!! Bola para o Rob Kelley, TOUCHDOWWWWWNNNNNNNNNN REDSKINS!!!!!!!!

17-14!

Tudo estava acabando bem, mas Seattle ainda teria a bola mais uma vez. Após um sack maravilhoso do DE Terell McClain, o relógio correu até o final, deixando Seattle precisando de uma Hail Mary. Wilson manda a bomba eeee… DEANGELO HALL DESVIA O PASSE!

Fim de jogo no Century Link Field! Vitória Suada, na Raça, na Luta! Aqui é Redskins!

Alguns dados sobre os jogadores da equipe:

Zach Brown lidera a NFL e a NFC em tackles (86). Brown também lidera a NFC e está empatado em terceiro em assistência de tackles (29). Brown lidera empatado a NFL e lidera a NFC em tackles solo (57). Kirk Cousins é o segundo na NFC e quarto na NFL em percentual de passes completos (67.9%)

Cousins é também o segunda na NFC e quarto na NFL em jogadas de +25 jardas (20)

Cousins está em terceiro na NFC e sexto na NFL em jardas de passe por tentativa (8.01)

Kirk é quarto na NFC e sétimo na NFL em passer rating (102.0). Kirk é quarto e oitavo em percentual de interceptações (1.5%)

Vernon Davis está empatado em primeiro na NFC e NFL em jardas recebidas por TEs (16.7)

Davis está empatado em segundo na NFL e NFC em recepções entre TEs (69)

Davis é quarto e nono em jardas recebidas por TEs (384)

Davis é quarto e nono em jardas médias recebidas (48.0)

Kendall Fuller está empatado em primeiro na NFC e terceiro na NFL em interceptações (3)

Ryan Kerrigan está empatado em primeiro na NFL e NFC em interceptações retornadas para TD (1)

Josh Norman e Kerrigan estão empatados em terceiro e quinto em fumbles forçados (2)

Jordan Reed é o segundo na NFC e sétimo na NFL em recepções por jogo entre TEs (4.5)

Chris Thompson é o primeiro na NFL e NFC em jardas recebidas por RBs (453)

Thompson lidera a NFL e a NFC em jardas médias por recepção entre RBs (12.9)

 

Para ficar por dentro das notícias da semana, visite o twitter e acompanhe o Podcast Redskins Brasil, além de acompanhar os textos aqui no Portal Fumble Na Net.

Hail to the Redskins!

#EusouRedskins

Texto: Diogo Miranda
Revisão: Rodrigo Souza