Começou a Temporada 2018-2019 da NFL! A esperança de melhores resultados sempre existe, no entanto a realidade é cruel. Após abrir 13 pontos de vantagem no 3º quarto, o Indianapolis Colts errou mais do que deveria e permitiu 24 pontos consecutivos, perdendo por 34-23 para o Cincinnati Bengals no Lucas Oil Stadium.  Vamos aos pontos positivos e negativos do jogo.

 

PONTOS POSITIVOS

Andrew Luck

Apesar da interceptação em seu primeiro passe na volta aos campos, Luck conseguiu fazer um bom jogo. Lançou 53 passes ao todo. Desses, 39 foram completos para um total de 319 jardas. O touchdown para Eric Ebron foi um lindo passe que encobriu o marcador e achou o TE na endzone. O outro TD para o T.Y. Hilton explorou bem a velocidade do WR, que se desvencilhou da marcação numa rota slant curta e agarrou a bola na endzone.

 

Playcalling

Por um período no jogo, o Colts envolveu completamente o Bengals ofensivamente. Ao todo foram usados nove recebedores diferentes no jogo. Nick Sirianni e Frank Reich fizeram muito bom uso do playbook, o que deixou a marcação adversária perdida. Um bom início dado à ineficiência de Indianapolis na temporada passada. Tente lembrar dos últimos anos com Pep Hamilton e Rob Chudzinski e você vai perceber a diferença do ataque atual…

Não a toa, jogadores como Ryan Grant e Nyheim Hines foram muito mais envolvidos no ataque. Além de serem muito envolvidos tiveram um bom desempenho, algo que não se esperava por parte de Grant, que mostrou pouquíssimo até então. Já Hines, que sofreu com retornos na pré-temporada, não teve mais a função de retornador, que passou a ser de Zach Pascal. Ainda assim, mostrou-se útil ao ataque correndo e recebendo passes.

 

Estreias

Podemos dizer que Darius Leonard foi onipresente em campo. Conseguiu 9 tackles (6 solo) e um fumble recuperado durante o jogo. Ainda que tenha dificuldade em algumas jogadas na cobertura, o #53 esteve implacável na marcação e conseguiu boas jogadas. Quenton Nelson teve uma boa estreia considerando a DL quem enfrentou. Apesar de sofrer inicialmente e até cometer um holding, o #56 melhorou durante a partida e conseguiu se virar bem contra as pressões de Geno Atkins em cima do Luck.

 

Forçando turnovers

O Colts conseguiu uma interceptação e dois fumbles forçados (um recuperado). É sempre bom ver a defesa conseguindo incomodar o adversário. Farley foi o autor de um dos fumbles forçados, coroando a partida mais lúcida entre os safeties da equipe. Quanto a inteceptação, Kenny Moore II mostrou o motivo pelo qual fez o roster, justificando a confiança do coaching staff. Não fosse a recuperação de Andy Dalton fazendo um tackle, Kenny teria retornado a interceptação para touchdown.

 

Margus Hunt

O DE foi muito bem no jogo, conseguindo pressões e sacks em cima de Andy Dalton. A torcida vai olhar o Hunt com bons olhos agora, já que a grande maioria preferia o John Simon. As estatísticas não mentem quanto a sua atuação: 2 sacks, 3 tackles for loss e 2 QB hits. Vamos torcer para que o desempenho seja uma constante.

 

PONTOS NEGATIVOS

Excesso de erros

T.Y. Hilton cometeu um drop crucial no terceiro quarto. Jack Doyle sofreu um fumble retornado para TD que sepultou as esperanças de vitória. Duas faltas da defesa de 15 jardas, ambas em 3rd down, permitiram ao Bengals continuar a campanha finalizar com touchdown. Erros acontecem, mas é preciso trabalhar para diminuir o número deles durante uma partida porque ultrapassou o limite do aceitável.

 

Pressões pelos lados da OL

Com as lesões de Anthony Castonzo e Denzelle Good, o Colts precisou improvisar Joe Haeg como LT e usou J’Marcus Webb como RT. Ainda que tenhamos cedido apenas dois sacks, várias pressões vieram pelos lados da linha ofensiva e Andrew Luck precisou se livrar da bola rapidamente. Braden Smith fez sua estreia na NFL e não foi nada boa. Carlos Dunlap não tomou conhecimento e derrubou Luck. Apesar de ser guard de origem, Smith atuou como LT na jogada em que foi batido muito facilmente.

 

Quincy Wilson

O #31 anda decepcionando. Além de não fazer uma preseason decente, o CB vacilou ao cometer uma interferência defensiva e ser queimado logo em seguida no touchdown do John Ross. O jogador poderia deixar de lado a preocupação com o Twitter e começar a se interessar pelo plano de jogo da equipe, coisa que não parece que esteja fazendo.

 

Jogo corrido (nos dois lados da bola)

Entra e sai ano o pesadelo do jogo corrido continua. Ao todo, tivemos 22 carregadas (para quatro corredores diferentes) e 75 jardas. Jordan Wilkins foi o mais acionado, teve 14 carregadas para 40 jardas. Além disso, o Colts abandonou as corridas na segunda metade do jogo, forçando Luck a lançar 53 vezes. Poderia pegar a defesa de Cincinnati despreparada para isso, mas o placar fez o Colts ficar previsível e não correr mais.

No lado defensivo, Joe Mixon fez uma festa. Um total de 95 jardas para o RB adversário, além de 8 jardas para Andy Dalton. Apesar da partida boa do Leonard, todos os tackles do #53 foram após a linha de scrimmage, tentando evitar maiores avanços terrestres.

 

Esta partida era muito importante de se vencer, já que as próximas duas serão fora de casa. O time do Cincinnati Bengals tem uma defesa boa, mas o jogo foi se desenvolvendo de forma a acreditarmos que estava sob controle, uma vez que, em determinado momento, a defesa dos Bengals parecia não ser capaz de parar nosso ataque. O drive do TD do Hilton ilustra bem isso, várias snaps originados de no-huddle. O Colts não inicia uma temporada vencendo desde 2013, e já se foram cinco estreias desde então.

A próxima partida será no próximo domingo, dia 16/9 às 14h, contra o Washington Redskins no FedEx Field. O ataque comandado por Alex Smith e Adrian Peterson obliterou o Arizona Cardinals. Vai ser um jogo bastante complicado, ainda mais por ser fora de casa. O Colts precisa corrigir os erros, principalmente nas faltas, se quiser algo positivo neste jogo, pois a tendência é de derrota. Vamos aguardar o retorno de Anthony Castonzo para proteger melhor o Luck, e do Marlon Mack para ser mais uma arma ofensiva.

Para ver os melhores momentos e mais estatísticas e números do jogo, acesse o Gamebook oficial da NFL, disponível em: http://www.nfl.com/gamecenter/2018090902/2018/REG1/Bengals@Colts?icampaign=scoreStrip-globalNav-2018090902#menu=gameinfo&tab=recap

DEIXE UMA RESPOSTA