No último sábado, o Indianapolis Colts recebeu o San Francisco 49ers no Lucas Oil Stadium pela Semana 3 da Pré-Temporada da NFL. Ela é considerada a mais importante porque os titulares recebem mais minutos em campo. O que vimos foi mais uma boa exibição dos reservas, com muita garra e disposição. No entanto a equipe titular sofreu nos dois lados da bola. Apesar de tudo, o Colts conseguiu uma boa vitória por 23-17. Vamos aos pontos positivos e negativos da partida.

 

PONTOS POSITIVOS

Andrew Luck

Nosso QB está entrando no ritmo, arriscando mais e sendo decisivo. Estando presente no 1º tempo, o #12 acabou com 8/10 passes, 90 jardas e 1 touchdown. Ainda que tivesse que soltar a bola bem mais rápido por causa da OL, Luck conseguiu achar boas janelas de passe, mostrando que sua precisão está voltando. O touchdown veio em um lindo passe para Eric Ebron, onde o TE se aproveitou na falha de cobertura da secundária e subiu no segundo andar para fazer a recepção. Um rating de 137.5 não é nada mal para alguém que ficou mais de 580 dias parado e está apenas em seu terceiro jogo. Valeu, Andrew!

 

Jacoby Brissett

Nosso QB reserva está muito mais confiante e seguro do que faz em campo. Até mesmo suas tentativas de corrida estão mais objetivas. O fato de estar fazendo um training camp completo com o time e aprender completamente o playbook o faz melhorar em suas decisões, por consequência, jogar melhor. O passe de 53 jardas para Seantavius Jones foi a jogada da partida. O #7 vem se mostrando um backup bem confiável e quem tem a ganhar é o Colts.

 

Times reservas

Seja por vontade ou por deficiência dos adversários, o que importa é que os jogadores vindos do banco estão mostrando serviço. Principalmente no 2º tempo, o Colts teve suas melhores jogadas em campo. Ryan Delaire está voando. Ainda que tenha chegado em 11 de Agosto à franquia, o #75 está sendo uma das melhores aquisições nesta free agency. Um fumble forçado e recuperado deu à tona ao seu desempenho em campo. O LB calouro Zaire Franklin com 6 tackles (4 solo) liderou o time no quesito.

 

Secundária

A volta de Malik Hooker é para ser comemorada. O passe desviado das mãos do recebedor de San Francisco mostrou que nosso ballhawk continua voando. Pierre Desir e Kenny Moore II tiveram excelentes participações, com 4 tackles cada. Assim também, já no fim do jogo, George Odum interceptou passe de Nick Mullens para dar ao Colts a vitória.

 

Darius Leonard

Que jogador! Nosso #53 está voando. Por duas vezes quase interceptou Jimmy Garoppolo. Além disso, realizou 5 tackles (4 solo). Finalmente há cérebro dentre os linebackers. Chris Ballard e o scouting team estão de parabéns com esta aquisição.

 

PONTOS NEGATIVOS

OL que começou o jogo

Que coisa lamentável o que foi visto no primeiro tempo. Andrew Luck sempre esteve sob pressão. O desempenho de Austin Howard como RT foi tão ruim que ainda no segundo drive ele foi substituído por J’Marcus Webb. Braden Smith mais uma vez não inspirou confiança e Joe Haeg sofreu. Tudo bem que essa não será a OL titular para a Semana 1 da temporada, mas foi feio de se ver.

 

DL titular

Zero pressão em Jimmy G. 0! O QB adversário esteve muito confortável no pocket, completando 9 passes para 135 jardas. Os números do Jimmy poderiam ser ainda melhores, mas os drops (5) de seus recebedores o impediram. Igualmente Alfred Morris fez a festa correndo entre os espaços abertos por sua OL. Um total de 99 jardas corridas apenas no 1º tempo mostra senso de urgência para corrigir o que está errado.

 

Jogo corrido

O fato de a OL não abrir os espaços contribuiu consideravelmente para termos apenas 80 jardas em 35 carregadas. Christine Michael (9 jardas em 8 corridas) anotou TD, mas foi em uma corrida de 1 jarda. Nyheim Hines mais uma vez não mostrou nada quando acionado, somando 0 jardas em 5 corridas. Jordan Wilkins foi o mais utilizado, mas obteve apenas 28 jardas em 14 carregadas.

 

Os jogos de preseason são os melhores para se poder observar os reservas, sendo que os mesmos entram com sangue nos olhos. O DE Ryan Delaire está sendo uma excelente surpresa até o momento. O DT Hassan Ridgeway com números excelentes nos três primeiros jogos, ainda que não tenha tido nenhum sack neste jogo. E os WR’s Zach Pascal e Steve Ishmael vem tendo boas participações quando acionados. É claro até aqui que muitos jogadores titulares estão se poupando em campo, por exemplo o DE Jabaal Sheard. No entanto sempre esperamos boas apresentações dos jogadores historicamente titulares.

O Colts deu uma demonstração de defesa “enverga mas não quebra”. Ainda que Garoppolo estivesse disparando bombas à vontade aos seus recebedores, o 49ers falhou na redzone, seja com drops ou faltas bobas. O kicker Robbie Gould anotou os nove primeiros pontos da equipe devido a esses erros. Nunca é bom deixar o ataque adversário à vontade em campo, ainda mais cansando seus jogadores de defesa. No entanto se aproveitar dos erros do ataque é uma virtude que o Colts conseguiu explorar muito bem no jogo.

No segundo tempo, o DE John Simon sentiu uma lesão no pescoço, mas relatos recentes do Frank Reich dizem que o jogador está bem e deve estar pronto para o início da temporada. No entanto o OT Denzelle Good sentiu uma lesão no joelho. Ainda que ao final do jogo tenha dito que não estava sentido dor, Reich afirmou que o jogador será avaliado semana a semana. Andrew Luck sentiu uma contusão no pé, mas nosso HC tratou logo de acalmar os torcedores e dizer que “se houvesse jogo neste próximo domingo, Andrew jogaria sem problemas”.

No último dia 26 de Agosto, o Colts trocou o LB Antonio Morrison pelo CB Lenzy Pipkins, ex-Packers. Imaginava-se que Morrison não faria parte dos 53, visto que o antigo #44 jogava apenas no terceiro time do Colts. Lenzy Pipkins tem 24 anos, 1,83m e foi Undrafted Free Agent contratado por Green Bay no ano passado. Vendo alguns snaps, percebe-se que o CB tem bom senso de posicionamento e não costuma perder tackles. Soma 15 tackles (11 solo) e 1 passe defendido em sua primeira temporada na NFL. Ele chega para brigar com Chris Milton e D.J. White por uma vaga de cornerback.

Na próxima quinta, dia 30 de Agosto, o Colts finalizará sua participação na Pré-Temporada. Enfrentará o Cincinnati Bengals, time que Indianapolis começará jogando a temporada 18-19 no dia 9 de Setembro em Indiana. O jogo será praticamente da Turma do Terrão, já que ninguém quer seus jogadores titulares se machucando para a temporada. Será a última chance para quem quiser beliscar uma vaga no roster e afirmar as certezas de Reich e companhia para a temporada que está para começar.

DEIXE UMA RESPOSTA