Após a conquista do Super Bowl LI, era de se esperar que o New England Patriots fosse trabalhar para repor potenciais perdas na free agency e manter o alto nível do elenco. Como sempre, Bill Belichick surpreendeu a todos e está ativamente trabalhando no rejuvenescimento do elenco, principalmente realizando trades por jogadores de outras franquias. E aí é que entra o fator curioso: o time já cedeu, em trocas, escolhas de todos os sete rounds do Draft 2017. Ainda neste ano, o Patriots trocou sua escolha de 4ª rodada pelo tight end do Colts, Dwayne Allen, e no ano passado, escolha de 5ª rodada foi cedida ao Browns pelo linebacker Barkevious Mingo, e uma de 6ª pelo também linebacker Kyle Van Noy, para o Detroit Lions.

Patriots troca com o Saints por Brandin Cooks

Em troca de uma escolha de primeira rodada e uma de terceira rodada, o Patriots troca com Saints pelo wide receiver Brandin Cooks e mais uma escolha de quarta rodada. O jovem recebedor (apenas 23 anos) somou, em suas últimas duas temporadas em New Orleans, 17 touchdowns e mais de 2300 jardas, e pediu para sair do time porque julgou que estava sendo diminuído no plano de jogo em favor do novato Michael Thomas. Cooks chega ao Patriots ainda no seu contrato de calouro, com mais um ano de salário baixo (menos de US$1 milhão) e com uma opção de 5º ano pendente por ter sido escolha de 1º round no draft 2014.

Patriots troca com o Panthers por Kony Ealy

O Carolina Panthers receberá uma escolha de 2º round em troca do defensive end Kony Ealy e da sua escolha de 3º round, que se distanciam em apenas 8 posições (64ª e 72ª). Em 2016, Ealy disputou todas as 16 partidas da equipe, anotando 32 tackles e 5 sacks, mas tem como destaque a atuação no Super Bowl 50: foram 3 sacks sobre o então quarterback do Denver Broncos, Peyton Manning, no que seria uma performance digna de MVP da partida em caso de vitória do Panthers. Ealy também chega em seu último ano de contrato de calouro, aos 25 anos, com a diferença que não possui opção de renovação automática para o 5º ano.

O que sobrou para o draft 2017?

Depois de todas as trocas, restaram sete escolhas para o Patriots em 2017:

  • a escolha #72, de 3º round (via Carolina)
  • a escolha #96, de 3º round
  • a escolha #131, de 4º round (via Seattle)
  • a escolha #163, de 5º round (via Denver)
  • a escolha #183, de 5º round (compensatória)
  • a escolha #200, de 6º round (via Indianapolis)
  • a escolha #239, de 7º round (via Detroit)

Vale lembrar que o Patriots teria mais uma escolha de 4º round, recebida de New Orleans na troca por Brandin Cooks, mas foi cancelada pela NFL ainda como punição pelo Deflategate.

Patriots adiciona free agents Gilmore e Guy

Ainda reforçando o elenco campeão, o Patriots trouxe dois free agents: Stephon Gilmore, cornerback ex-Buffalo Bills, e Lawrence Guy, defensive lineman ex-Baltimore Ravens. O contrato de Gilmore com os Pats é 5 anos, US$65M com US$40M garantidos. Já o de Guy é de 4 anos, girando em torno de US$20M.