Lions contra o passe

Olá fãs do Detroit Lions no Brasil, quem vos fala é Felipe Dalmoro, dono do perfil Lions Mil Grau no Twitter, a partir de hoje estarei escrevendo regularmente para o Lions Pride Brasil, abordando assuntos específicos.

Hoje, falarei sobre a secundaria dos Lions, pra quem não sabe jogo Football no Brasil, pela Armada F.A., na posição de cornerback.

Nossa secundária no ano passado foi uma das melhores da Liga, principalmente pelo desempenho do Slay, e também a dupla de safetys Quin e Diggs.

Porém, neste ano, nossa secundária mudou a forma de jogar, diferente do ano passado, onde a base era cover 2 que variava de man ou zone, esse ano ,com a entrada do Patrícia jogamos numa nickel cover 1, com o front 7 numa 3-4, na minha opinião, isso deixa nossa secundária muito exposta, pois sabemos que nosso CB Lawson não é tão habilidoso quanto Slay, porém, com o Diggs no fundo, sua retaguarda ficava mais protegida, esse ano já vimos ele falhar contra os Jets, 49ers, contra os Patriots, ele teve uma leve melhora, contra o Cowboys levou alguns passes, mas não comprometeu, mas, domingo é o Rogers do outro lado e pode acabar custando caro, acredito que o Patrícia deveria variar mais a formação na secundaria, me parece que ele ainda não conhece as peças que tem, Patrícia precisa entender que o Lawson não tem tanta capacidade de jogar em man com apenas um safety, ano passado, ele não foi tão mal pelo falo de ter ajuda, também precisamos de mais interceptações, para por o ataque mais vezes em, campo.

Um ponto negativo é que esse ano nossos LBs também não estão à mesma coisa contra passes, em jogadas curtas, rotas in ou slant sofremos muito, Davis, perde muitos tackles, porem, na cobertura de passes ele esta muito mal. No ultimo jogo o Eliot foi o melhor recebedor dos Cowboys, muitos passes em rotas curtas e essa culpa cai nas costas da secundária.

Domingo temos um duelo contra um dos melhores QBs da liga, será um jogo difícil para nossa secundaria e principalmente Lbs, creio que a base das chamadas deles será o passe, principalmente em rotas curtas entres os Lbs e a DL, para nossa sorte os 2 melhores recebedores deles, Cobb e Adams, estão “questionáveis” para a partida.

Nossa secundária é o melhor setor da defesa, porém, esse ano não está tão bem quanto nos outros anos, espero que isso seja apenas um período de adaptação ao novo sistema.

Acredito que ganharemos de 30×27 com FG do Prater, abraço a todos, e GO Lions #OnePride

Felipe Dalmoro, Lions Mil Grau.

DEIXE UMA RESPOSTA