Saudações Cabeças de Queijo de todo o Brasil! Está no ar o terceiro Lambeau Leapers Podcast, pra trazer tudo o que te interessa sobre o Green Bay Packers! Neste episódio, Júnior Souza, Matheus Ribeiro e Cássio Araújo analisam os resultados e evolução da Classe de Draft Packers 2014!

O DRAFT 2014 PACKERS
  • Pick 21 (1º round) – Ha Ha Clinton-Dix, S, Alabama
  • Pick 53 (2º round) – Davante Adams, WR, Fresno State
  • Pick 85 (3º round) – Khyri Thornton, DT, Southern Miss
  • Pick 98 (3º round, compensatória) – Richard Rodgers, TE, California
  • Pick 121 (4º round) – Carl Bradford, LB, Arizona State
  • Pick 161 (5º round) – Corey Linsley, C, Ohio State
  • Pick 176 (5º round, compensatória) – Jared Abbrederis, WR, Wisconsin
  • Pick 197 (6º round) – Demetri Goodson, CB, Baylor
  • Pick 236 (7º round) – Jeff Janis, WR, Saginaw Valley State

Edição: Kamila Torreão

Assine o Feed do Lambeau Leapers para não perder nenhum episódio! http://fumblenanet.com.br/feed/lambeauleapers

Entre pro grupo do Fumble na Net no Facebook e participe dos debateshttps://www.facebook.com/groups/fumblenanet/

Siga o Fumble na Net no Twitter: http://twitter.com/fumblenanet

  • Omilson Tavares

    O grande problema do HaHa, mas que ele tem melhorado, é seu problema em acertar tackle. Ele mostrou esse problema no seu primeiro jogo no Packers, naquele TD do Seahawks, e nessa temporada o momento mais emblemático desse problema foi mesmo ele não ter acertado o sack no Luck, que custou a chance do Packers tentar ganhar aquele jogo. Mas isso é algo que ele tem melhorado bastante, como sua leitura do QB também, mas é algo que precisa evoluir também, pois ele teve 5 INT, mas INT só 3 QBs na verdade, e um era do Bears, que todo mundo sabe que amam lançar para os defensores do Packers. Vale lembrar que o HaHa só sobrou para o Packers pq o Pryor foi pego pelo Jets. E para mim o HaHa é muito mais jogador que o Pryor.
    Eu discordo da visão que o Jones veio para o lugar do HaHa, pois o HaHa joga mais para o fundo do campo e o Packers quer usar o Jones como LB/S. Acredito que o Jones é mais uma segurança para perder o Burnett, pois acho que o time vai pagar o HaHa e não vai ter talvez como pagar tudo que o Burnett pode pedir.
    Não acho que o Packers consegue renovar com o Adams e manter o Cobb e Nelson. Próxima FA, se o Adams se for bem tem tudo para ser o WR mais interessante da classe. Como ele foi escolha do 2º round não vai ter a opção do 5º ano que os WRs do primeiro round vão ter e muitos dos outros nomes bons devem ser renovados antes da FA. Acho até que o Packers já está pensando nisso quando selecionou os 2 WRs nesse draft e pensando na evolução do Allison. Eu acho que existe uma possibilidade muito maior ele sair do que ficar no Packers, até pq existem renovações que vão tomar um grande cap do Packers. Mas Rodgers e Admans tem a jogada contra o Jaguars, o Rodgers sendo puxado para trás e a recepção do Admans é em uma janela pequena caindo.

  • Omilson Tavares

    Para mim o problema do Richard Rodgers é que o Packers fica forçando o cara ficar pesado para jogar perto da linha. O time precisa aceitar que o cara não é bom bloqueando, e deixa ele ficar mais leve para aproveitar as mãos deles que são excelentes. O Aaron Rodgers mesmo já falou que era o melhor recebedor do time uma vez, e se vc olhar o cara tem várias recepções de se espantar. Eu sei que o Packers gosta do tipo de TE mais tradicional, que tanto recebe quanto bloqueia, por isso trouxe os dois TE na FA com essa característica, mas a liga toda tem se adaptado a TEs que são bons recebedores pelo meio do campo, tanto que saíram dois no primeiro round desse draft. Então para usar bem o Richard Rodgers o time podia deixar o cara ficar mais leve para ganhar mais velocidade e mobilidade e usar ele como um WR mais forte e pesado e com mãos seguras, coisa que o Saints gosta muito de fazer, afinal como vcs mesmos falaram, no final a faculdade pediu para ele baixar o peso e usar ele de WR no meio do campo.

  • Omilson Tavares

    Carl Bradford era OLB em Arizona, mas não sei pq o time quis pq quis que ele fosse ILB. A gente via que ele tinha velocidade para chegar nas jogadas, mas sempre pareceu que ele nunca conseguiu entender muito bem os detalhes da posição de ILB. E pior que por onde passa agora tentam usar ele de ILB, que parece não ser a praia dele.
    Quando Linsley foi escolhido foi até uma surpresa, pois saiu um pouco do que o time costuma fazer. Normalmente o time pega jogadores que eram LT e colocam para jogar pelo meio da linha. Mas desde que colocou o pé em campo o cara se mostrou que seria o titular. Ganhou a posição e não perdeu mais. Com ele em campo a linha ganha muito, pena que costuma ter problema de lesão, por exemplo nem tem participado dos OTA dessa semana por lesão. Acho ele sim um dos melhores C da liga e um C bem completo, ele é bom tanto bloqueando para o passe como para o jogo corrido. Ele caiu no draft por causa do tamanho, mas quando joga não parece que é menor não. Acredito que o Packers tem que fazer um certo esforço para renovar com o Linsley, um C do nível dele não é fácil de achar não.

  • Omilson Tavares

    Abbrederis atualmente está no Lions. É um cara de grande potencial, ótimo como slot. O problema é ficar fora de lesões e concussões. Quando ele foi escolhido todo os torcedores de Wisconsin foram a loucura, pq o cara era um dos queridinhos dos Badgers. Mas apesar de ser um ótimo corredor de rotas, ele não ficou saudável de jeito nenhum. Quando esteve saudável ele deu uma animada na torcida com ótimo jogos, como contra o Raiders e contra o Cardinals. Se ficar saudável pode ainda ser um ótimo slot, mas vamos ver o quando ele dura no Lions antes de se machucar.
    Goodson faz par com o Abbrederis, um marcando o outro na IR, pois é outro que não fica saudável de jeito nenhum. Quando o Packers pegou ele era mesmo só pelo potencial, era para ser um projeto para ser modelado pelo Whitt Jr, nosso coach de CB, mas o cara não consegue ficar saudável para ser lapidado, então continua sempre cru quando está em campo. Para mim vai rodar esse ano, tem gente muito melhor na frente dele.

  • Omilson Tavares

    Jeff Janis era para ser o sucessor do Nelson, um cara branco, alto e muito rápido, só que ele tem um problema gravíssimo de rota, diferente do Nelson. Na faculdade que ele atuava ele basicamente só tinha a rota “corre feito um louco e a gente te acerta”, por isso ele é tão bom em passes no estilo Hail Mary, mas ele não consegue fazer um corte direito, ele sempre ganha na velocidade, mas ainda é muito cru em rotas. Esse é o problema que o Packers tem tentado arrumar nesses anos, mas parece que a coisa não entra na cabeça dele. Chega os treinamentos e os jogos de pre-temporada o cara destrói, mas é só colocar uma rota um pouco diferente e ele já não consegue fazer.
    Mas ele é um dos melhores Guners da liga, a velocidade dele e a força que ele tem faz com que ele consiga fazer muito bem seu trabalho. Eu acho ele tão bom quanto Guner que valia a pena manter no time, não acho que tenha um jogador que possa fazer tão bem o papel que ele faz.
    Fisicamente Janis tem tudo para ser uma estrela da liga, mas nunca vai alcançar seu potencial se não conseguir cumprir suas rotas, e isso é o que mata, Rodgers já falou várias vezes que gosta do cara, que tenta ajudar. Mas não adianta toda essa ajuda do time, se ele não conseguir fazer as rotas não vai jogar. MM e o Rodgers são muito chatos quanto a questão de cumprir as rotas.

  • Omilson Tavares

    Rapaz, tentei dividir para não apagar os meus posts, mas mesmo assim apagou o que fiz do HaHa e do Adams.kkkkkkkkkkkkkk

    • Omilson, tem 5 comentários teus aqui, incluindo um falando do Ha Ha e do Adams… Até verifiquei a área de spam e não tem nenhum lá

      • Omilson Tavares

        O do HaHa tinha apagado. Acho que vou escrever menos.