Salve, salve galera do Fumble na Net ! Espero que tenha sobrevivido à semana 13 caso tenha começado seus playoffs ou então que tenha alcançado essa fase pois em algumas ligas eles começam na semana 14. Os handcuffs continuam muito importantes e caso você não tenha visto, segue o link do post da semana passada com a tabela.  Nos playoffs, o jogador de fantasy que acompanhou a temporada (se você esta lendo esse artigo, certamente é um deles) já pode nos ajudar em seu times, sabe qual é aquele jogador amuleto e principalmente já tem leituras de jogo mais consistentes. As dicas são continuam muito importantes, mas agora os jogos são eliminatórios, portanto confie na sua análise e nas suas decisões. O trabalho de chegar até os playoffs não foi fácil e os méritos são seus, caro leitor! Vamos às dicas da semana 14!

Start Em, Começe jogando !

Quarterbacks

Aaron Rodgers, Packers
Normalmente, Rodgers é um auto-start, mas ele não vem jogando bem ultimamente. Algumas de suas performance abaixo da média tem a ver com o play-calling de Mike McCarthy, que já se foi! Joe Philbin não vai trazer nenhuma grande inovação, mas eu espero um empurrão de atitude de Rodgers e da equipe tentando provar que não são ruins. O último bom confronto feito por Rodgers foi contra o Seattle, e ele produziu bons números  de fantasy (332 jardas, 3 TDs e 0 Int). Nesta semana, Rodgers tem um confronto ainda melhor com os Falcons, que permitiram o segundo maior número de pontos de fantasy para os quarterbacks adversários.

 

Josh Allen, Bills
Com menos armas e recursos há apenas quatro semanas, Matt Barkley enfrentou os Jets e lançou para 232 jardas e dois touchdowns com 9,3 jardas por tentativa de passe. Esse foi o primeiro jogo da carreira de Barkley com múltiplos touchdowns e sem interceptações, e ele tinha acabado de assinar com Bills há menos de duas semanas. Allen, vem de jogos consecutivos com pelo menos 160 jardas de passes, vários touchdowns e pelo menos 99 jardas correndo.

 

 

Running Backs

 

Jeff Wilson, 49ers
Quando talentos excepcionais não estão disponíveis (o que é claro comum em dezembro), o volume é importante nessa época do ano. Wilson será o caso nesta semana, ao assumir o papel de destaque pela segunda semana consecutiva, com Matt Breida machucado e oficialmente descartado do jogo. Wilson no último domingo teve 23  toques para 134 jardas de scrimmage, mostrando seu potencial como dupla ameaça (61 corridas, 73 jardas de recepção). Os Broncos estão ultimamente em uma sequência de três vitórias, mas isso não significa que eles anularam os RBs adversários. Nesses jogos cederam pelo menos 95 jardas de scrimmage, mais recente com Joe Mixon correndo para 82 em apenas 12 tentativas.

 

Jaylen Samuels, Steelers
Esta é uma decisão difícil, mas estou com Samuels, apesar de Stevan Ridley provavelmente conseguir algum trabalho também. Samuels tem sido o verdadeiro backup James Conner, jogando à frente de Ridley, mas há uma chance de Ridley ser usado no final do jogo último jogo se os Steelers conseguirem uma grande vantagem na pontuação. E talvez uma grande liderança dos Steelers seja provável em função do nível de talento dessas duas equipes. Porém os Steelers têm continuamente problemas ao viajar para Oakland, então também há uma boa chance de que este jogo seja próximo. Além disso, os Steelers jogam a bola mais do que a maioria das equipes, o que significa que Samuels deve estar em linha para muitos alvos, assim como as tentativas de corrida contra a fraca defesa dos Raiders.

 

 

Wide Receivers

Chris Godwin, Bucs
Os Saints permitiram a maioria das recepções, jardas e pontos de fantasy para WRs nesta temporada, enquanto Godwin teve grandes partidas toda vez que DeSean Jackson precisou se ausentar. É verdade também que defesa do passe dos Saints melhorou nos últimos tempos, mas Mike Evans provavelmente ocupará Marshon Lattimore, liberando Godwin e Adam Humphries para outra chance de fazer um grande jogo esta semana.

 

Courtland Sutton, Broncos
Sutton pegou 4 de 7 alvos para 85 jardas e um touchdown na semana passada em um bom confronto com os Bengals. Esta semana, ele enfrenta outra defesa fraca em San Francisco, mas sem Emmanuel Sanders para tirar alvos, já que Sanders infelizmente está fora da temporada com o tendão de Aquiles rompido.

 

 

 

Tight Ends

Eric Ebron, Colts
Ebron geralmente vê 10 alvos em um jogo sem Jack Doyle e até mesmo conseguiu números decentes na semana passada, quando o Colts foi amassado. Esta semana, Ebron consegue um confronto melhor contra o Houston e pode facilmente ser o número 1 da posição na semana.

 

 

Vance McDonald, Steelers
O uso do McDonald’s não é o que queremos, mas quando surgem bons confrontos, ele geralmente vê mais trabalho. Esta semana, ele recebe o time dos Raiders que fica em último lugar em pontos cedidos de fantasy para TE.

 

 

 

 

 

Sit Em, Deixe no banco!

 

Quartebacks

Russell Wilson, Seahawks
Wilson  só ultrapassou 248 jardas passadas duas vezes nesta temporada e geralmente precisa compensar  seus números com passes para touchdown em poucas tentativas, o que ele tem conseguido especialmente nos últimos tempos. No entanto esta semana, terá uma tarefa difícil, já que os vikings permitiram o menor número de passes para touchdown na temporada, e uma grande parte deles veio no jogo contra os Rams em Los Angeles.

 

Carson Wentz, Eagles
A defesa de passe de Dallas claramente não é brincadeira, anulando o jogador de calibre de MVP dessa temporada, Drew Brees. Isso aconteceu essencialmente apagando o jogo aéreo de New Orleans na semana passada. Então, embora os Cowboys tenham iniciado sua série de vitórias de quatro jogos cedendo 360 jardas e duas TDs para Wentz em Philly, eles já provaram que são mais do que capazes de melhorar drasticamente essa performance no 2ª jogo contra o arquirrival de divisão, os Eagles. Conta negativamente também a fase de Wentz, que desde aquela partida tem mais interceptações (quatro) do que touchdowns (três) com uma média de 232,7 jardas por jogo.

 

 

Running Backs

Spencer Ware, Chiefs
Ware continuará a ser o principal corredor de um grande ataque, então eu ainda precisaria de bons motivos para colocá-lo no banco esta semana, mas esta seria a semana para fazer isto se você tiver os jogadores disponíveis. Os Ravens permitiram o menor número de pontos de fantasy para RBs nesta temporada, com Christian McCaffrey e James Conner como os dois únicos a figurar na lista Top15 de pontuação quando os enfrentaram.

 

Josh Adams, Eagles
Os Cowboys conseguiram, de alguma forma, parar Mark Ingram e Alvin Kamara na semana passada, e permitiram apenas quatro touchdowns a toda a temporadanpara RBs, juntamente com o quarto pior número de pontos de fantasy para os running backs. Adams, apesar de ser o mais talentoso entre os corredores dos Eagles, não está conseguindo trabalho suficiente no jogo de passes para ser capaz de superar matchups difíceis como esse.

 

 

Wide Receivers

 

Tyler Lockett, Seahawks
Lockett tem chance de pegar dois touchdowns agora que eu botei ele no banco… mas brincadeira à parte, essa defesa de passes dos Vikings não cede touchdowns para wide receivers a menos que eles joguem no Rams, os Vikings permitiram quatro touchdowns para wide receivers em um jogo e cinco touchdowns nos outros 11. Xavier Rhodes provavelmente também marcará Lockett, o que significa que ele precisa ser rebaixado ainda mais.

 

Kenny Golladay, Lions
Golladay é o líder dos recebedores do Lions neste momento e vai ver muitos alvos, o que o torna um starter em muitas ligas, mas ele recebe uma boa marcação de Patrick Peterson  na maior parte do tempo. Se tiver opções no banco pode ser um fator decisivo, caso contrário vá de Golladay mesmo.

 

 

Tight Ends

Cameron Brate, Bucs
Brate enfrenta uma equipe do Saints que permitiu apenas um touchdown, o segundo menor número de jardas recebidas e o terceiro menor número de recepções para tight ends nesta temporada. Brate ainda está fazendo um bom trabalho na red zone, mas também está atrás de Mike Evans, Adam Humphries e Chris Godwin na hierarquia de alvos e sua melhor projeção é um jogo com poucas recepções e um touchdown curto.

DEIXE UMA RESPOSTA