Não tem como discutir, DeCastro é um dos cinco melhores guards da liga. E o melhor jogador de nossa linha ofensiva. Desde que assumiu a titularidade em 2013, tem feito jogos muitos seguros e tem aberto bons espaços para Bell e DeAngelo Williams realizarem passagens para suas corridas. Na temporada passada ganhou notoriedade devido à ausência de Maurkice Pouncey.

No ano de sua seleção era apontado como o melhor jogador para a parte interna da linha ofensiva. Durante sua carreira em Stanford também atuou como center. E suas virtudes eram suas habilidades com as mãos, posicionamento ideal para posição e sua leitura e combate contra os defensive tackles.

Todas estas virtudes afloraram durante as 51 partidas disputadas com a camisa 66 de nossa franquia. E suas atuações o nomearam para o Pro Bowl de 2015.

Mas antes de avaliar o mérito da questão, vamos observar os valores acordados entre Steelers e David DeCastro que serão validos a partir da próxima temporada:

  • Idade: 26 anos
  • Duração do contrato: 5 anos (2017 – 2021)
  • Total do contrato: $ 50 milhões
  • Base Salarial: $ 10 milhões
  • Valores Garantidos: $ 16 milhões (32%)
  • Bônus de Assinatura: $ 16 Milhões

O Mercado

Antes de avaliarmos ferrenhamente as condições acima, devemos entender o mercado. A lei de mercado é algo incrível, e isso é atribuído a esta situação. Mas o jogador que realmente mudou esta relação para a posição de guard foi Kalechi Osemele.

Este jogador assinou um contrato com o Raiders nesta offseason, e se tornou o guard mais bem pago da liga e um sexto contato mais caro da linha ofensiva. Osemele fechou um contrato de $ 58,5 milhões em 5 anos. E desta quantia, ele terá 43,42% em garantidos.

Até este contrato, a média de rendimentos dos acordos entre os 5 melhores contratos guard da liga eram em média de $ 5,8 milhões anuais. Com a confirmação do vínculo de Osemele com o Raiders, outros jogadores foram beneficiados.

Isto elevou o total médio para $ 10,3 milhões. Os maiores beneficiados com este upgrade de quase 57% foram Brandon Books, Kyle Long e J.R Sweezy. O último destes três citados de qualidade duvidosa. O Steelers possui um jogador melhor que todos estes, o coloco abaixo apenas do próprio Osemele.

O Steelers fez um bom negócio?

No ponto de vista fez. Sei que se você olhar os valores envolvidos e analisarmos o Salary Cap disponível para 2017 que estava em torno de $ 40 milhões, podemos achar muito. Mas o segredo para o sucesso desta negociação foi o total garantido negociado pelo Steelers.

Vamos supor, que David DeCastro sofre uma lesão séria ou existe um ajuste no elenco para alocação de salários de outros talentos, e ele é dispensado em 2018. O Steelers não terá que pagar nada para DeCastro, se não tiver sido realizado nenhuma renegociação anterior ao período. Isso se deve graças ao bônus de assinatura pago no ínicio do contrato, no qual é correspondente as garantias.

Este valor garantido pode ser considerado um sucesso de negociação, já que a média do mercado é de 50%. Outro ponto positivo deste contrato foi que o valor total foi justo avaliando o mercado. Nomes inferiores assinaram contratos semelhantes. Se a negociação não fosse boa, poderíamos ter pago valores maiores, e assim condenaria o planejamento de cap quanto a reforços para os próximos anos.

DEIXE UMA RESPOSTA