O ex-safety Darren Sharper condenado a 18 anos de prisão por drogar e estuprar pelo menos 18 mulheres em 4 estados diferentes. Durante o julgamento na Corte Federal de New Orleans, Darren se disse culpado das acusações.

Durante seu depoimento perante o júri, o jogador tentou se desculpar às vítimas e a sua própria família, dizendo “Vivi minha vida da maneira correta por 38 anos e então segui por esse caminho”. Ele ainda adicionou que não sabe por que cometeu todos os crimes.

Uma das mulheres inclusive mencionou que Sharper continuou drogando e estuprando-a mesmo após o início das investigações. No final de seu depoimento, suas últimas palavras ao ex-jogador foram “Vá pro inferno”.

Sharper, que foi escolhido na segunda rodada do Draft de 1997, jogou pelo Green Bay Packers (1997-2004), Minnesota Vikings (2005-2008) e New Orleans Saints (2009-2010).