Fala ai seus lindos e suas lindas! Tudo bem com vocês? Atendendo a pedidos dos nossos ouvintes e leitores, está aberta a mais nova seção do site: “Aí o Chico chora”, onde faremos os palpites da semana 2 do Fumblinho!

Alguns jogos interessantes acontecem nessa segunda semana de campeonato. Os jogos de horário nobre (Thursday Night, Sunday Night e Monday Night) aparentemente serão bons e podemos ter surpresas. Vamos lá ver se o Chico vai chorar ou se ele vai dar risada com as nossas escolhas.


jogo 1


O jogo que abre a rodada é um clássico de divisão. Chiefs e Broncos protagonizam há alguns anos bons duelos e muitas vezes surpreendentes. Os donos da casa vêm de uma vitória bem convincente sobre o Houston Texans, com a defesa mostrando porque é uma das melhores da liga.

Já do outro lado, o Broncos fez uma partida horrenda contra o Baltimore Ravens e venceu com um placar apertado. O fator casa deve pesar muito nessa partida, então vamos apostar numa vitória de Kansas.

jogo 2

Cam Newton começou a temporada jogando mal. Na semana passada o quarterback sofreu para arrancar uma vitória do Jaguars. Não acredito que isso se repita. Newton evoluiu bastante nas últimas temporadas e boa parte das interceptações que sofreu foram culpa de seus wide receivers.

O Texans certamente tem uma das melhores linhas defensivas da liga. J.J. Watt, Vince Wilfork e o segundo anista Jadeveon Clowney são uma promessa de sacks e mais sacks. Se na defesa as esperanças são altas, no ataque o cenário muda. Bryan Hoyer fez uma pessima estreia e não parece que Ryan Mallett tem muito para vencer. Vitória do Panthers.

jogo 3

Ai uma das primeiras pedreiras para o editor palpitar. O Steelers fez um bom jogo contra o New England Patriots na abertura da temporada, mas a defesa inexperiente e praticamente toda renovada ainda precisa melhorar.

Em contra partida, os anfitriões do Super Bowl 50 mostraram que o grande desmanche da pré-temporada foi superada. E de forma muito boa. O Niners dominou o ataque do Vikings no último MNF e não deu chances em nenhum momento da partida. Se a defesa jogar novamente dessa forma, uma vitória fora de casa não será surpresa. Pelo fator casa, vamos de Steelers.

jogo 4

Drew Bress é uma máquina de conquistar jardas. Apesar do bom desempenho na semana passada, o Saints perdeu para o Cardinals fora de casa. O jogo corrido está longe de ser ruim, mas se eles pensam em playoffs terão que melhorar. A defesa que foi o maior problema de 2014 ainda precisa evoluir, mas é cedo para dizer algo concreto.

O “Mr. 1st Pick Overall” finalmente teve sua primeira partida como jogador da NFL e… perdeu para o “Mr. 2nd Pick Overall”. Eu não acredito muito em destino, mas o último rookie a lançar uma interceptação em seu primeiro passe na liga foi ninguém menos do que Brett Favre. Vamos esperar para ver o que esse menino nos reserva. Vitória tranquila do Saints.

jogo 5

Mais uma rivalidade de divisão em campo. Ambos vêm de derrotas fora de casa, mas o Lions se mostrou mais organizado nesse primeiro jogo. Megatron foi anulado e isso dificultou para Matthew Stafford jogar.

O Vikings não esperava uma defesa tão agressiva contra o 49ers e o quarterback Teddy Bridgewater apanhou muito… Muito mesmo. A linha ofensiva parecia dormir e a defensiva nem foi a campo. Esse confronto vai ser bem complicado, mas vou arriscar na primeira zebra: Vitória do Lions.

jogo 6

Por incrível que pareça, a derrota do Chicago Bears para o Green Bay Packers não refletiu exatamente o que vimos em campo. Matt Forte correu para mais de 100 jardas e a linha ofensiva dominou os rush strippers dos Packs. Cutler foi cauteloso durante toda a partida, mas a pressão o fez falhar novamente.

Carson Palmer teve uma ótima temporada em 2014, mas uma lesão no joelho o impediu de comandar a equipe do Cardinals nos playoffs. De volta ao comando do ataque, Palmer mostrou muita frieza e lançou 3 touchdowns e garantiu a vitória sobre o Saints. Nessa partida eu chutaria um empate, pois ambos os times têm claras chances de vitória, mas como só podemos escolher um, vamos de Bears.

jogo 7

Possivelmente um dos jogos mais equilibrados da rodada. O Patriots vem de uma boa vitória em casa e são os favoritos da divisão. Tom Brady está com sangue nos olhos depois de toda a história da suspensão. Uma boa surpresa foi o jogo corrido com o recém-chegado Dion Lewis.

O Bills chegou chegando e desbancou um dos favoritos ao Super Bowl, Indianapolis Colts, na primeira rodada. A defesa não deu chances para Andrew Luck trabalhar e Tyrod Taylor deu conta do recado. O jogo corrido de Buffalo também funcionou muito bem e se mantiverem essa estabilidade chegarão longe. Pelo bom momento e a forte defesa, o Bills leva esse clássico.

jogo 8

Nos últimos três encontros, duas vitórias do Bengals (uma delas nos playoffs) e uma dos Charges. O jogo é em Cincinnati e o favoritismo é total do Bengals, mas temos algumas ressalvas. A defesa dos donos da casa está focada (atualmente é a 3º melhor da liga) e o ataque dos visitantes foi o mais explosivo na semana 1. Ambos os quarterbacks adoram lançar interceptações e esse jogo não promete ser diferente.

Uma vitória do Bengals é quase certa, mas Rivers pode aprontar. O fator casa vai pesar bastante, por isso, Cincinnati leva.

jogo 9

Se Jonnhy Manziel quer ser titular na NFL ele tem que torcer contra o Browns nessa partida. O atual titular, Josh McCown, fez uma péssima pré-temporada e na primeira partida da temporada regular deixou o campo. Manziel, sempre que entrou, atuou muito bem. Esse pode ser um jogo que definirá o futuro do Johhny “Football”.

Marcus Mariota já chegou na liga dando um baile. 4 touchdowns e nenhuma interceptação. O melhor desempenho entre quarterbacks na rodada. O jogo corrido funcionou e parece que o Titans é outro time. Vamos ficar de olho nesse havaiano, pois ele promete. Pelo bom desempenho, vamos acreditar em Mariota e a trupe do Titans nesse confronto.

jogo 010

Eli Manning jogou bem mal e não conseguiu ganhar dos Cowboys na abertura da temporada. Odell Beckham Jr. ficou apagado durante boa parte da partida, mas depois de chamar tanta atenção em 2014, é natural que ele seja mais marcado agora. O jogo corrido também foi mal e as faltas atrapalharam. O time parecia um pouco confuso em campo.

O Falcons conseguiu uma boa vitória em cima do Eagles. Matt Ryan foi inconsistente, mas a sua sintonia com Julio Jones é uma das melhores da liga. A dupla conseguiu 141 jardas e 2 touchdowns. O jogo corrido não foi dos melhores, mas ajudou a desafogar um pouco o quarterback. Nesse jogo acredito numa vitória do Falcons.

jogo 011

O Redskins é o pior time da NFL. Desorganização, polêmicas, intrigas e tudo de ruim que pode acontecer em uma franquia está rolando com o time da capital norte-americana. É difícil acreditar que eles possam vencer uma defesa tão forte como a do Rams. Essa é direta e reta: Rams vai dar uma sacolada.

jogo 012

O tempo passa, o tempo voa, e o Jaguars continua uma droga. As esperanças são sempre grandes, mas parece que eles não conseguem mesmo né? Assim como Rams, o Dolphins está com uma defesa muito forte e isso somado ao ataque fraco de Jacksonville resulta em caos. Vitória do Dolphins e com atuação boa de Ndamukong Suh.

jogo 013

Depois de um adversário difícil e uma derrota, nada melhor do que o Raiders não é mesmo? O Ravens tem a obrigação de vencer esse jogo, mesmo sendo fora de casa. O time de Oakland ainda está em reestruturação e ainda tem muita coisa para arrumar. O jogo de abertura contra o Bengals foi horrível, mas muito por conta da saída precoce do quarterback titular, Derek Carr.

O Ravens fez um jogo apertado e bem feio contra o Broncos. Flacco não estava nos seus melhores dias. Forsett era uma grande promessa de jardas, mas como em toda a sua carreira, ele não fez nada. Já disse e repito, Baltimore tem a obrigação de vencer esse jogo. Se isso não acontecer, prevejo problemas…

jogo 014

Numa rodada de clássicos, Eagles e Cowboys tinham que participar do espetáculo. O time da Pensilvânia vem de uma derrota frustrante para o Falcons. A atuação do time foi muito boa, e Sam Bradford não se quebrou (um verdadeiro milagre). O que decepcionou foi a atuação de DeMarco Murray, que mesmo com dois touchdowns correu para apenas 9 jardas.

Se o Eagles perdeu no final, o Cowboys ganhou. Tony Romo mostrou frieza e conseguiu arrancar uma vitória muito importante. A linha ofensiva de Dallas justificou o título de melhor da liga. Romo sofreu sacks, mas o jogo corrido não foi tão eficiente. É um jogo complicado, mas novamente o mando de campo fará a diferença. Vitória suada do Eagles.

jogo 015

O Sunday Night Football será uma reedição da final de conferência da última temporada. Dessa vez, o Packers não conta com seu principal recebedor e o Seahawks trouxe Jimmy Graham que já estreou fazendo um touchdown na derrota para o Rams. Uma palavra que resume a partida é equilíbrio.

É quase impossível apontar um favorito, mas na última temporada o Packers não perdeu nenhum jogo dentro do Lambeau Field, e por isso levam uma ligeira vantagem. Como o jogo corrido de Seatle é sua arma principal, a defesa dos cheeseheads não pode vacilar como fez no jogo contra o Bears, ou a derrota será certa. Acredito numa vitória de Green Bay, mas não será um jogo fácil e um resultado contrário não será surpresa.

jogo 016

Andrew Luck, o que aconteceu com você? No jogo contra o Bills, o quarterback de Indianapolis parecia completamente sem foco. Foram erros bobos que custaram uma vitória importante. Se a desatenção se repetir, podemos ter uma “zebra” nessa partida. Andre Johnson e TY. Hilton vão ter que mostrar serviço e Frank Gore vai ter uma difícil tarefa de correr contra uma defesa muito pesada e sólida.

O time de Nova Jersey se reformulou e montou uma equipe bem competitiva. A defesa está finalmente estável e conta com, possivelmente, a melhor dupla de cornerbacks da liga: Darrelle Rivers e Antonio Cromartie. Será que Fitzpatrick vai conseguir levar o time para uma vitória? Será que Chris Ivory vai correr tão bem novamente? Muitas dúvidas ainda assombram o Jets, por isso, vitória do Colts!

  • Helio Paiva Neto

    Ô Bethânia, não é querendo ser clubista não, mas você tá ligado que o Washington “pior time da liga” Redskins segurou o ataque dos Dolphins, chegou a estar vencendo de 10-0, só perdeu porque o Jarvis Landry achou um TD de retorno de Punt, e porque o Cousins desmoronou no 4o quarto, soltando duas interceptações – até então não tinha soltado nenhuma. Eu até concordo que deve dar Rams, que tem uma defesa mais forte até do que a dos Dolphins com o Suhjo, mas o ataque dos Rams não vai ter vida fácil não, se quiserem ganhar do Redskins em pleno FedEx Field o Nick Foles vai ter que suar sangue igual ou pior que o Ryan Tannehill.

  • Leopoldo Arthur Scremin

    Cara, me admira vcs que acompanham tanto FA não verem que o Bills é tipo um Jets de 2012/13..Ganhou dos Colts pela fraca atuação da OL de Indianápolis. Bills vai ser 8-8 num pau brabo..Só porque a nfl.com por motivos midiáticos enalteceu a vitória ( inacreditável ) do Bills pra cima do Colts já tem gente falando até em vencer a divisão. Menos né..Discordei de vários palpites, mas sério..Achar que Pierce Harvin e Tyrod Taylor vão levar o Bills a algum lugar é cômico.

    Ps: Assisti 2 vezes INDvsBUF e posso afirmar, se jogar mais 10 vezes, Bills perde 11..

    Abs e gosto muito do trabalho de vcs !!!

    • Pedro Bethânia Albuquerque

      Leopoldo, justamente por acompanhar FA a um bom tempo que eu afirmo que uma defesa pode levar um time muito longe. Um belo exemplo é o back to back que o Jets fez na final de conferência em 2009 e 2010. O ataque era bem mediano e a defesa absurdamente forte. O Bills conseguiu conter um dos ataques mais explosivos da liga de maneira bem convincente, por isso acho que em casa eles podem muito bem desbancar a maioria dos seus adversários. Vale lembrar também que o Patriots pode entrar sem 3 titulares na OL, ou seja, um prato cheio para uma das melhores DL’s da liga.

      PS: Pierce Harvin e Tyrod Taylor não vão levar o Bills muito longe, mas Mario Williams, Marcell Dareus e Kyle Williams com certeza vão!

      Obrigado pelo comentário,
      Abraços!

  • Helio Paiva Neto

    Broncos 31 x 24 Chiefs… Começou bem o “Pai Bethânia de Ogum”, ein? 😀

    • Pedro Bethânia Albuquerque

      Esse jogo era todo do Chiefs… Quem assistiu sabe disso. Jamaal Charles acabou ferrando os palpites numa vacilada tremenda, mas acontece hahahahaha

  • Gabriel Mugnol

    Acho que Cowboys leva. De resto concordo (exceto o jogo dos Chiefs, que neh…).

  • Helio Paiva Neto

    Redskins 24 x 10 Rams… Acho que podemos dizer que foi realmente uma SACOLADA, né não, Bethânia? 😀