A temporada da NHL chega em seus momentos finais, e as corridas para as premiações e para a pós-temporada começam a ter seus destaques. O Prêmio Jack Adams é a premiação que coroa o melhor treinador na temporada da liga; e as perguntas em torno desse prêmio já apareceram. Quem irá levar o tão aclamado prêmio de melhor técnico da NHL para casa?

Mike Sullivan

O técnico do Pittsburgh Penguins, duas vezes campeão com a equipe, busca o primeiro Jack Adams Award da carreira, e tem tudo para conseguir. Ele contou, na maioria da temporada, com parte do elenco principal machucado e as lsões de Sidney Crosby, Patric Hornqvist, Kris Letang e Justin Schultz poderiam fazer Pittsburgh ficar fora da pós-temporada. Porém, com Sullivan no comando, a equipe é a segunda colocada da divisão metropolitana; 4 pontos atrás do Washington Capitals. Com o retorno dos jogadores lesionados, a franquia é favorita ao título da Stanley Cup.

John Tortorella

Excepcional treinador do Columbus Blue Jackets, campeão pelo Tampa Bay Lightning; o já duas vezes vencedor do Jack Adams Award novamente aparece como um dos postulantes ao prêmio. Tortorella também contou com lesões preocupantes nessa temporada; principalmente do defensor Seth Jones, entretando, ainda faz uma temporada ótima e modesta franquia de Ohio está indo de novo para a pós-temporada. Temporada passada, a equipe venceu a primeira série nos playoffs em sua história, após varrer o Tampa Bay Lightning, até então o time a ser batido na liga, por 4 vitórias a 0.

Travis Green

Desde 2015 sem chegar à pós-temporada, o Vancouver Canucks finalmente retornou e isso se deve ao grande técnico que Travis Green se mostrou nos últimos anos. Desde que chegou, o time vem evoluindo bem. Nomes como Elias Pettersson e o novato Quinn Hughes mudaram muito a equipe, algo que não era visto desde a chegada dos dois irmãos gêmeos, Daniel e Henrik Sedin, aposentados em 2018. Em segundo lugar da divisão do pacífico, a equipe soma 74 pontos na temporada; com 34 vitórias e 29 derrotas (6 delas em prorrogações, o que equivale, portanto, a 1 ponto para cada), o que também coloca Green na briga pelo prêmio de melhor técnico da NHL.

DEIXE UMA RESPOSTA